Informação independente faz a diferença
Conteúdo patrocinado

Conheça os maiores trades da história

Dólar

Oliver Velez entrou no mercado de ações quando tinha apenas 19 anos. Entre altas e baixas e alguma experiência com erros, o norte-americano desenvolveu uma percepção que lhe garantiu um resultado extraordinário: 145% de ganhos em um único mês, operando 20 minutos por dia. O trader defende que saber perder é mais importante do que ganhar muito. Na contramão do ofício, ele diz: “Eu não gosto de risco”.

Quem opera em trading é conhecido pelo mercado financeiro como um investidor que costuma fazer operações (trades) de curto prazo, assumindo riscos e se beneficiando de altos ganhos. Tudo isso à base de uma “especulação” sobre o mercado. No universo das ações, existem os trades ruins, os trades bons e aqueles que se tornaram legendários.

O mais importante disso tudo é que verdadeiras fortunas foram feitas. Algo que atrai cada vez mais pessoas ávidas por este tipo de investimento. Conheça a seguir os maiores trades da história.

Os 4 maiores trades dos últimos tempos

1. John Paulson e seus 15bi de dólares

Paulson obteve o título de “o maior trade de todos” porque, em 2007, apostou que a bolha imobiliária norte-americana entraria em colapso. Quando isso aconteceu, seu fundo fez 15 bilhões de dólares.

2. Jesse Livermore e a Black Tuesday

No ano de 1929, Jesse fez algo parecido ao prever o mercado de baixa um pouco antes da “Black Tuesday”, termo que faz referência ao dia em que Wall Street registrou as maiores quedas nas ações. Esse fato ficou conhecido como o início da Grande Depressão, o pior e mais longo período de recessão econômica do século XX. Na ocasião, Livermore coletou 1,2 bilhões de dólares, na cotação atual.

3. George Soros e o dia em que fez 1bi de dólares

Em apenas um dia, George Soros embolsou cerca de 1 bilhão de dólares ao apostar contra as libras britânicas, em 1992. Na época, as manchetes disseram que ele “quebrou o banco da Inglaterra” com sua estratégia de call.

4. Andrew Hall e o petróleo

Em 2003, o até então desconhecido trader Andrew Hall identificou que o valor do petróleo (30 dólares) estava muito abaixo do que deveria. Por isso, apostou fortemente que esta commodity atingiria mais de 100 dólares nos próximos cinco anos. Quando isso de fato aconteceu, ele somou 100 milhões de dólares em sua conta pessoal.

Você pode ser o próximo

O mercado de trade é realmente fascinante. Mas é preciso ter cuidado na hora de estudar e, principalmente, executar as operações. Um profissional especializado pode ajudá-lo na hora de investir da forma correta.

Segundo José Rafael Rabello, especialista responsável pelo relatório Trader PRO, da Empiricus Research, é possível identificar chances de altos lucros na Bolsa por meio de estudo e pesquisa.

Rabello diz não agir por impulso e não se apegar a questões subjetivas. “Eu interpreto os sinais que os gráficos detalhados me dão. Ajudo meus assinantes a fazer operações lucrativas, principalmente em períodos curtos, mas também identifico as chances de investimentos rentáveis no médio e longo prazo”.

Outro ponto importante é variar nas possibilidades. “Com diversificação e consistência, é possível construir uma carteira com ótima regularidade. Nos últimos dois anos, por exemplo, minhas recomendações atingiram +72,79% de valorização”, complementa o especialista.