Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Fast

Credit Suisse eleva recomendação do Santander Brasil

27/01/2020 - 14:56
Santander
Contraponto: recomendação subiu, mas preço-alvo foi cortado (Imagem: Gustavo Kahil/ Money Times)

Na revisão geral de projeções sobre os bancos brasileiros para 2020, o Credit Suisse melhorou a avaliação do Santander (SANB11). A recomendação do banco passou de neutra para outperform, isto é, o desempenho das ações deve ficar acima da média do mercado nos próximos 12 meses.

O preço-alvo, contudo, foi reduzido de R$ 56 para R$ 54 – ainda assim, a cifra representa um potencial de 23% de alta sobre o último fechamento do papel. Em relatório assinado pelos analistas Marcelo Telles, Otavio Tanganelli e Alonso Garcia, o banco suíço atribuiu o corte ao menor crescimento do lucro líquido esperado neste ano – 2%.

“O rebaixamento dos lucros ofusca ligeiramente a menor taxa livre de risco e o custo para rolagem de rolagem de capital. Nossa projeções revisadas nos colocam razoavelmente em linha com o consenso [de mercado] para os próximos dois anos”, afirmam os analistas.

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!

O Santander Brasil foi o único dos quatro bancos acompanhados pelo Credit Suisse a ser “promovido” neste ano para outperform. Os demais, Banco do Brasil (BBAS3), Bradesco (BBDC4) e Itaú Unibanco (ITUB4), já recebiam essa recomendação e a mantiveram para 2020.

Última atualização por Márcio Juliboni - 27/01/2020 - 14:56