Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

EUA: em três semanas, crise do coronavírus leva 16 milhões ao seguro-desemprego

08/04/2020 - 22:20
EUA Departamento do Trabalho
A crise econômica causada pelo coronavírus já pode ser a responsável por aproximadamente 16,4 milhões de pedidos em apenas três semanas (Imagem: Reuters/Andrew Kelly)

Mais 6,5 milhões de americanos pediram seguro-desemprego na semana encerrada em 4 de abril, avalia o Bank of America em um relatório enviado a clientes nesta quarta-feira (8) e obtido pelo Money Times.

O Departamento de Trabalho dos EUA divulga os dados oficiais nesta quinta-feira (9), às 9h30 (horário de Brasília).

Os números devem se somar aos 6,6 milhões vistos na semana anterior (até 28 de março) e 3,3 milhões registrados em sete dias até o dia 22 de março.

Ou seja, a crise econômica causada pelo coronavírus já pode ser a responsável por aproximadamente 16,4 milhões de pedidos em apenas três semanas.

Para os economistas Alexander Lin e Michelle Meyer, os números podem ser ainda mais altos.

“Enquanto examinávamos as notícias para construir a projeção havia amplos sinais de que os governos estaduais estavam aumentando a contratação ou a transferência de recursos para processar melhor os pedidos de subsídio de desemprego, devido ao dilúvio nas últimas semanas. Alguns Estados acreditam que o pior ainda estava por vir”, apontam.

Outro sinal de que os dados podem ser piores vem do comportamento das buscas no Google pelo termo “benefícios para desempregados” e “como pedir um seguro-desemprego”

As tendências de buscas do Google apontam para um risco de alta nos pedidos

Fonte: BofA Global Research, Google Trends e Departamento de Trabalho dos EUA

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!

Última atualização por Gustavo Kahil - 08/04/2020 - 22:20