Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

1T22: C&A (CEAB3) tem aumento no prejuízo; valor vai a R$ 152,7 milhões

Laura Intrieri
05/05/2022 - 19:46
C&A CEAB3
A C&A se manteve firme, entretanto, em suas receitas líquidas, que subiram 54,2% no a/a (Imagem: Money Times/ Gustavo Kahil)

A  C&A (CEAB3) divulgou seus resultados do primeiro trimestre de 2022 nesta quinta-feira (5), reportando um prejuízo de R$ 152,7 milhões. Na comparação com o 1T22, a empresa aumentou o rombo em 10,3%.

O Ebitda ajustado da companhia, que no 1T22 estava nos R$ 133,8 milhões negativos, melhorou por volta de 19,9% e fechou o trimestre negativado em R$ 107,1 milhões, à margem de 8,9%.

A C&A se manteve firme, entretanto, em suas receitas líquidas, que subiram 54,2% no e atingiram R$ 1,197 bilhão.

A empresa atrelou os resultados ao avanço da variante Ômicron e ao aumento da inflação, atualmente acumulada em 11,3% nos últimos 12 meses.

“No que tange a gestão de nossos custos e despesas, a inflação continua pressionando todas as linhas exatamente em um momento expansionista da Companhia, o que tem representado um desafio adicional para entrega de resultados”, disse.

Além disso, a empresa afirmou estar confiante com relação a próximos passos, principalmente no que se refere aos canais on-line de vendas, responsáveis pelo crescimento da receita.

“O início do segundo trimestre mantém a tendência positiva de crescimento de vendas, apesar das incertezas relacionadas ao cenário macroeconômico. O desempenho da categoria de fashiontronics e a manutenção do forte crescimento das vendas on-line também foram destaques no crescimento da receita”, afirmou.

Veja o documento:


Receba as newsletters do Money Times!

Cadastre-se nas nossas newsletters e esteja sempre bem informado com as notícias que enriquecem seu dia! O Money Times traz 8 curadorias que abrangem os principais temas do mercado. Faça agora seu cadastro e receba as informações diretamente no seu e-mail. É de graça!

Disclaimer

Money Times publica matérias de cunho jornalístico, que visam a democratização da informação. Nossas publicações devem ser compreendidas como boletins anunciadores e divulgadores, e não como uma recomendação de investimento.

Última atualização por Renan Dantas - 05/05/2022 - 19:46

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto