Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Ação da CCR ainda pode se destacar da média, mesmo com balanço fraco

14/08/2020 - 17:17
sistema anhanguera-bandeirantes autoban CCR CCRO3
De acordo com o Credit Suisse, a atenção dos investidores recairá neste momento sobre o processo de reequilíbrio econômico dos contratos de concessão (Imagem: CCR/ Clóvis Ferreira)

O balanço da CCR (CCRO3) não fugiu muito do cenário que os analistas do Credit Suisse imaginaram para a companhia. Os números vieram fracos, o que não pode ser considerado uma surpresa, dadas as restrições de deslocamento impostas no período para conter a disseminação do coronavírus.

“Na nossa avaliação, os resultados trazem pouca influência para a CCR no momento. Todos os olhos estarão voltados para o processo de reequilíbrio econômico dos contratos de concessão”, afirmaram os analistas Regis Cardoso e Alejandro Zamacona, em relatório divulgado pelo banco e obtido pelo Money Times.

Para o Credit Suisse, a ação ainda sustenta uma recomendação de outperform (desempenho esperado acima da média do mercado). O preço-alvo para os próximos 12 meses é de R$ 20.

Do lucro ao prejuízo

A CCR encerrou o segundo trimestre do ano com prejuízo líquido de R$ 164,7 milhões ante o lucro de R$ 329,5 milhões registrado no mesmo período de 2019. O Ebitda ajustado caiu quase 40% e atingiu R$ 819,4 milhões.

A empresa foi severamente afetada pela queda de tráfego nas rodovias (-22,1%) e aeroportos. O movimento tem dado mostras de recuperação ao longo dos últimos meses conforme as medidas de isolamento são flexibilizadas.

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Diana Cheng - 14/08/2020 - 17:17