Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Netflix (NFLX) perde assinantes e ação desaba mais de 20% em NY

Kaype Abreu
19/04/2022 - 17:19
Netflix
Netflix disse anteriormente aos acionistas que esperava adicionar 2,5 milhões de assinantes. (Imagem: Unsplash/ @charlesdeluvio)

As ações da Netflix (NFLX) negociadas no after market da Nasdaq, em Nova York, desabavam 22,33% por volta das 17h10 (horário de Brasília), a US$ 270,77, após a empresa divulgar o balanço do primeiro trimestre deste ano. 

A plataforma de streaming revelou perda de 200 mil assinantes no período, em um momento de acirrada disputa entre companhias do segmento. No primeiro trimestre do ano passado, a companhia registrou 3,98 milhões de novos usuários.

A Netflix disse anteriormente aos acionistas que esperava adicionar 2,5 milhões de assinantes líquidos durante o primeiro trimestre, enquanto o mercado projetava um ganho de cerca de 2,7 milhões.

Segundo a empresa, a suspensão do serviço na Rússia e o encerramento de todas as assinaturas pagas no país resultaram na perda de 700 mil assinantes. Excluindo esse impacto, a empresa teria adicionado 500 mil assinantes a seu serviço.

Abaixo do esperado

A Netflix ainda registrou lucro por ação de US$ 3,53, maior que os US$ 2,89 esperados por analistas, de acordo com dados reunidos pela Refinitiv. A receita no primeiro trimestre chegou US$ 7,78 bilhões, abaixo dos US$ 7,93 bilhões projetados pelo mercado.

Em release de resultados, a plataforma comentou que o alto número de contas compartilhadas por um mesmo login e o aumento da concorrência são obstáculos para o aumento de receita.

A Netflix estima que, além de seus 222 milhões de domicílios pagantes, o serviço esteja sendo compartilhado com mais de 100 milhões de famílias.

“Enquanto trabalhamos para reacelerar o crescimento de nossa receita – por meio de melhorias em nosso serviço e monetização mais eficaz do compartilhamento multifamiliar – estaremos mantendo nossa margem operacional em torno de 20%”, disse a empresa.

Os papéis da companhia fecharam em alta de 3% nesta terça-feira (19), com os BDRs negociados na B3 seguindo o mesmo ritmo: avanço de 4% no pregão, a R$ 32,55.

Veja o documento divulgado pela empresa:

Siga o Money Times no Instagram!

Conecte-se com o mercado e tenha acesso a conteúdos exclusivos sobre as notícias que enriquecem seu dia! Sete dias por semana e nas 24 horas do dia, você terá acesso aos assuntos mais importantes e comentados do momento. E ainda melhor, um conteúdo multimídia com imagens, vídeos e muita interatividade, como: o resumo das principais notícias do dia no Minuto Money Times, o Money Times Responde, em que nossos jornalistas tiram dúvidas sobre investimentos e tendências do mercado, e muito mais. Clique aqui e siga agora nosso perfil! 

Última atualização por Kaype Abreu - 19/04/2022 - 18:01

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado de tecnologia?
Receba toda sexta-feira as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto