Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Ação da Petz só vai ficar “barata” em 2025, mas é melhor comprar agora, diz BTG Pactual

20/10/2020 - 17:02
Petz
Animal: lucro por ação da Petz deve crescer 45% ao ano, até 2025, diz BTG Pactual (Imagem: Reprodução/Facebook/Petz)

O BTG Pactual (BPAC11) iniciou a cobertura da Petz (PETZ3) com uma visão bastante positiva. A varejista de artigos para animais de estimação recebeu recomendação de compra, com preço-alvo de R$ 20 para 2021. Isso significa um potencial de alta de 27,4% sobre a cotação usada como referência pelo banco.

A Petz estreou na B3 (B3SA3) em 11 de setembro, após sua oferta pública inicial (IPO, na sigla em inglês) movimentar R$ 3,03 bilhões. Luiz Guanais e Gabriel Savi, que assinam o relatório do BTG Pactual, ressaltam que o papel é negociado, atualmente, com um grande prêmio em relação a outros varejistas, mas que sua perspectiva de crescimento compensa essa diferença.

No atual patamar de preço, a ação da Petz “custa” 62 vezes a relação preço/lucro projetada para 2021, e 25 vezes o valor da empresa/ebitda.

Comparação

Sem concorrentes diretas listadas na B3, a Petz foi comparada pelos analistas a outras redes de varejo, como Magazine Luiza (MGLU3), Lojas Renner (LREN3) e Raia Drogasil (RADL3).

BTG Pactual observa que o “preço” médio do setor de varejo, considerando-se as projeções para 2021, é de 38,5 vezes preço/lucro, ou 38% menos que o múltiplo da Petz.

Os analistas acrescentam que, quando se considera um corte de tempo maior, iniciado em 2017, o P/L médio do setor de varejo brasileiro é de 22 vezes. Se as projeções do BTG Pactual se confirmarem, a Petz só atingirá esse múltiplo em 2025.

Ainda assim, as ações da rede de cuidados animais são uma boa oportunidade de investimento, segundo o banco.

Boa gestão

“A execução da Petz nos anos recentes (ampliando, com sucesso, seu e-commerce e suas lojas físicas para além de seu Estado-natal), e o ainda fragmentado mercado brasileiro de cuidados animais sustentam nossa visão positiva”, escrevem Guanais e Savi.

“Assim, apesar do prêmio sobre o valuation, com a Petz negociando a 62 vezes P/L 2021 e 25 vezes EV/ebitda 2021, vemos uma taxa convincente de crescimento do lucro por ação de 45% ao ano até 2025”, completam.

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Márcio Juliboni - 20/10/2020 - 17:09