Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Ação do Banco de Brasília dispara 25% após acordo com o Flamengo

19/06/2020 - 17:43
Banco de Brasília Flamengo
O banco já era o patrocinador do time de basquete do Flamengo (Imagem: Divulgação/Flamengo)

As ações do Banco de Brasília (BSLI3; BSLI4) dispararam após um acordo de publicidade estratégica com o clube de futebol Flamengo. Os papéis ordinários subiram 16,79%, a R$ 75,11, enquanto os preferenciais decolaram 24,56%, a R$ 55,11.

O banco irá expor as suas marcas e a oferta de soluções bancárias pelo BRB aos torcedores do clube, mostra um comunicado enviado à CVM nesta sexta-feira (19). O BRB já era o patrocinador do time de basquete do Flamengo.

O patrocínio master atual é do Banco BS2.

De acordo com a nota, o banco irá oferecer um pacote de soluções com a oferta conjunta de serviços e produtos bancários, de investimento, de seguridade, meios de pagamento e relacionamento, além de marketplace digital de produtos e serviços, os quais serão ofertados por meio da plataforma de Banco Digital do BRB.

BRB Banco de Brasília
(Imagem: Facebook/ Banco de Brasília)

“O BRB ressalva que a parceria firmada passa a ter sua vigência plena tão logo seja aprovada pelo Conselho Deliberativo do Flamengo. Com mais essa parceria, o BRB reforça o seu compromisso de modernização e expansão de sua atuação, se consolidando como um banco ágil, moderno e eficiente, que busca continuamente oferecer uma experiência única e completa aos clientes”, diz o banco.

Assessores financeiros

O BRB também anunciou no início de junho a contratação do BB Investimentos e do BTG Pactual (BPAC11) para atuarem como prestadores de serviços de assessoria financeira.

O objetivo é o de aprimorar as áreas de gestão de recursos de terceiros, seguridade e meios de pagamento e cartões, diretamente ou por meio de qualquer de suas empresas coligadas, subsidiárias, controladas ou sob controle comum.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Gustavo Kahil - 19/06/2020 - 17:43