Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Ação do Banco do Brasil é a melhor para ganhar na retomada do setor, dizem analistas

19/08/2020 - 9:18
Banco do Brasil
Confiança: para Santander, Banco do Brasil é estatal com jeito de banco privado (Imagem: LinkedIn/ Banco do Brasil)

Geralmente visto com reservas pelo mercado, devido à ingerência política que atrapalha todas as estatais do país, o Banco do Brasil (BBAS3), quem diria, agora é a instituição que pode liderar a valorização do setor bancário na Bolsa, durante a retomada da economia.

A avaliação é do analista Henrique Navarro, que gostou bastante da conversa com a cúpula do banco, durante uma conferência realizada pelo Santander (SANB11), no qual trabalha. “Ficamos positivamente impressionados ao saber que a administração [do BB] espera que o pico de inadimplência fique abaixo dos 4,1% registrados na última crise”, escreveu.

O analista atribui essa resiliência ao fato de que a carteira de crédito do Banco do Brasil “está em muito melhor forma para enfrentar a crise atual”.

No breve comentário aos clientes do Santander, Navarro destacou ainda a meta do banco federal de reduzir custos e fazer com que o seu ROE (Retorno sobre Patrimônio Líquido, na sigla em inglês) convirja para a média dos bancos privados.

“Diante disso, mantemos BBAS3 como a principal recomendação entre os grandes bancos, com recomendação de compra”, diz. O preço-alvo é de R$ 55 por ação, o que embute uma alta potencial de 65% em relação ao último fechamento.

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Márcio Juliboni - 19/08/2020 - 9:28