Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Ações da Petrobras saltam, após Bolsonaro dizer que não intervirá na estatal

05/02/2021 - 12:12
Entrevista coletiva do presidente Jair Bolsonaro, com o ministro da Economia, Paulo Guedes, e o presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, em 05 de fevereiro de 2021
Alívio: mercado gostou da disposição de Bolsonaro não intervir na Petrobras (Imagem: Reprodução/ TV Brasil)

As ações da Petrobras operam com forte alta nesta sexta-feira (5), após o presidente Jair Bolsonaro afirmar que não interfere, nem interferirá na política de preços da estatal. A declaração foi dada em entrevista coletiva, da qual participaram, também, o ministro da Economia, Paulo Guedes, e o presidente da companhia, Roberto Castello Branco.

Às 11h34, enquanto Bolsonaro e sua equipe ainda respondiam às perguntas dos jornalistas, as ações ordinárias (PETR3) avançavam 3,76% e eram negociadas por R$ 30,37. As preferenciais (PETR4) subiam 3,54%, cotadas em R$ 28,84. Ambas estão entre os papéis mais negociados da Bolsa e têm peso relevante no Ibovespa.

O principal índice da B3 (B3SA3), aliás, apresentava uma alta bem mais modesta, no mesmo instante: 0,74%, aos 120.141 pontos.

A preocupação do mercado sobre uma eventual ingerência política na Petrobras ganhou força, desde que caminhoneiros ameaçaram realizar uma nova greve em 1º de fevereiro. Entre as queixas, estava o preço do combustível.

Importante base política de Bolsonaro, parte dos caminhoneiros realmente parou naquela data, mas a extensão da greve foi pequena. Ainda assim, o presidente surpreendeu os analistas, ao informar, nesta semana, que daria um importante pronunciamento sobre o preço dos combustíveis nesta sexta.

Desoneração

O fantasma da intervenção política foi afastado, quando o presidente e sua equipe sinalizaram, nesta manhã, que estudam um redução gradual da tributação sobre os combustíveis.

Segundo Guedes, a ideia é reduzir as alíquotas de PIS/Cofins sobre esses insumos. O ministro acrescentou que a medida poderá entrar em vigor antes da reforma tributária em tramitação no Congresso.

Assista à entrevista coletiva de Bolsonaro e sua equipe, realizada nesta sexta (5).

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Márcio Juliboni - 05/02/2021 - 12:12