Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Fast

Ações de frigoríficos avançam com incêndio na Austrália afetando rebanhos no país

08/01/2020 - 14:47
Frigorificos
As ações dos quatro maiores frigoríficos operam em alta nesta quarta-feira (Imagem: REUTERS/Ueslei Marcelino)

Na tarde desta quarta-feira na bolsa paulista, as ações dos frigoríficos operam com importante valorização, dando continuidade ao resultado positivo da véspera.

Os investidores reagem às notícias de que os incêndios na Austrália podem comprometer a produção de carne do país, que é o terceiro maior exportador mundial do produto.

Assim, por volta das 14h43, os papéis da JBS (JBSS3) avançavam 1,12% a R$ 28,43, com os da Marfrig (MRFG3) somando 2,50% a R$ 10,67. Já as ações da BRF (BRFS3) subiam 3,64% a R$ 36,44 as da Minerva (BEEF3) tinham alta de 1,48% a R$ 13,68.

Em reportagem publicada pela Agência Estado, o diretor da Scot Consultoria, Alcides Torres, destacou que apesar dos incêndios serem cíclicos, afetou a pecuária de corte e tende a prejudicar o desempenho australiano no comércio internacional de carne e boi. Assim, o Brasil pode se favorecer nas vendas de carne bovina para a Indonésia e também os embarques de gado vivo

Nos últimos anos, lembra Torres, a Austrália já perdia competitividade para o país devido às secas. Agora, o atual cenário e a especulação podem favorecer os produtores brasileiros.

A imprensa australiana noticiou que, desde de setembro, uma área de 6,3 milhões de hectares foi queimada, causando a perda de 100 mil cabeças de gado.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Rodrigo Brolo, head de agronegócios da Criteria Investimentos, disse à reportagem de que os australianos são importantes fornecedores de carne bovina para o Japão e os Estados Unidos, que são mercados que o Brasil está negociando a abertura do mercado.

Ontem, as ON da Minerva chegaram a subir 4,58%, liderando as altas das empresas do setor de carnes na B3. No fim de agosto de 2019, o governo indonésio liberou a importação de carne bovina de dez frigoríficos brasileiros. As ações JBS também reagiram e, no fim do pregão, marcaram alta de 1,79%.

Para Brolo, no caso da JBS, a tendência seria de queda por causa da venda da participação do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social Participações (BNDESPar) por meio de uma oferta pública de distribuição secundária de ações .

Última atualização por Rafael Borges - 08/01/2020 - 14:48