Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

AgRural revisa para baixo safra de soja do Brasil, mas ainda vê recorde

06/04/2020 - 15:59
Soja
A colheita da oleaginosa no país, enquanto isso, avançou para 83% da área cultivada, levemente abaixo dos 84% vistos em igual período do ano passado (Imagem: REUTERS/Paulo Whitaker)

A consultoria AgRural informou nesta segunda-feira que revisou para baixo sua previsão para a safra de soja 2019/20 do Brasil, diante de impactos de uma seca no Sul do país.

Agora, estima-se que os sojicultores brasileiros colham 123,8 milhões de toneladas nesta temporada, um recuo de 500 mil toneladas em relação à previsão anterior da AgRural (124,3 milhões de toneladas), mas ainda assim um recorde.

A colheita da oleaginosa no país, enquanto isso, avançou para 83% da área cultivada, levemente abaixo dos 84% vistos em igual período do ano passado, mas acima da média histórica de cinco anos para este momento da safra, segundo a consultoria.

Com os trabalhos na soja caminhando para a etapa final, todos os olhos se voltam para a segunda safra de milho do Brasil, que é plantada logo após a colheita de soja em áreas-chave do país, como Mato Grosso.

A chamada “safrinha” representa cerca de 75% da produção total de milho do Brasil, permitindo ao país competir com os Estados Unidos nos mercados de exportação no segundo semestre do ano.

Com a segunda safra de milho já semeada, “o alerta segue ligado devido ao baixo volume e à má distribuição das chuvas em parte do Centro-Sul do Brasil, especialmente em Mato Grosso do Sul e no Paraná”, disse a AgRural.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Última atualização por Renan Dantas - 06/04/2020 - 15:59