BusinessTimes

Aluguel de carros: Duas ações devem se destacar no 1T22 e podem saltar até 52%; confira

17 abr 2022, 13:00 - atualizado em 14 abr 2022, 13:37
Vamos
Movida e Vamos devem se destacar no 1T22 (Imagem: Vamos/Divulgação)

Vamos (VAMO3) e Movida (MOVI3) devem ser os destaques positivos do setor de aluguel de carros no primeiro trimestre de 2022, afirmam Victor Mizusaki, do Bradesco BBI, e Wellington Lourenço, da Ágora Investimentos.

As casas de análise atualizaram seus modelos de valuation para as empresas do setor e aumentaram ligeiramente os preços-alvo das ações, derivados do modelo de fluxo de caixa descontado para Vamos, Localiza (RENT3) e Unidas (LCAM3).

Os novos preços-alvo são de R$ 19/VAMO3, aumento de 6%; R$ 66/RENT3, 5% maior; e R$ 29/LCAM3, +4%. O target para a Movida foi mantido em R$ 27.

Com base na atualização, Unidas e Localiza têm potencial de alta de 13% ainda este ano, e Movida e Vamos podem saltar 50% e 52%, respectivamente, com base no fechamento do dia 13.

O que esperar das companhias?

Segundo os analistas, a Vamos deve reportar um capex contratado — investimentos em bens de capitais — de R$ 1,6 bilhão, salto de 62% na comparação anual. A companhia deve se beneficiar da adição de novos contratos com retornos positivos e fortes resultados em operações de concessionárias.

Já a Movida deve apresentar um Ebitda 6% acima do consenso no 1T22. “A Movida continua a expandir e renovar sua frota de automóveis através de parcerias estratégicas com algumas montadoras e também tem aumentado os preços diários de aluguel para proteger o ROIC (Retorno sobre o Capital Investido)”, dizem Mizusaki e Lourenço.

Disclaimer

O Money Times publica matérias de cunho jornalístico, que visam a democratização da informação. Nossas publicações devem ser compreendidas como boletins anunciadores e divulgadores, e não como uma recomendação de investimento.

Editora-assistente
Editora-assistente no Money Times e graduanda em Jornalismo pela Unesp - Universidade Estadual Paulista. Entrou para a área de finanças e investimentos em 2021.
Linkedin
Editora-assistente no Money Times e graduanda em Jornalismo pela Unesp - Universidade Estadual Paulista. Entrou para a área de finanças e investimentos em 2021.
Linkedin