Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Americanas (AMER3) chega a saltar 6% e leva junto Magalu (MGLU3); o que fazer com o papel?

Lorena Matos
13/05/2022 - 16:07
Americanas
Com bons resultados, ações da Americanas saltam. Veja o que fazer com o papel, segundo análise de corretoras (Imagem: Money Times/Renan Dantas)

Com resultados fortes no primeiro trimestre de 2022, as ações da Americanas (AMER3) chegaram a registrar alta de 6,40%, a R$ 24,12, por volta das 10h30 desta sexta (13). Porém, o papel perdeu fôlego ao longo da tarde.

Outra ação que sobe com força é Magazine Luiza (MGLU3), com alta de 4,3%. A empresa divulga o seu resultado na segunda-feira (13).

A Americanas conseguiu crescer sua margem Ebtida ajustada em 180 bps (pontos base) ao ano, atingindo 9,8% nesse primeiro trimestre de 2022, reflexo de uma maior sinergia pós-combinação de empresas e de um aumento da eficiência operacional do AME, que juntos mais do compensaram a inflação de despesas no período.

A XP, Ativa e Genial estão em concordância sobre os resultados sólidos apresentados pela empresa, contudo, em sua maioria, mantém a cautela com os papéis da Americanas.

A justificativa da XP e Ativa para a cautela está atrelada principalmente ao cenário macroeconômico, além da competitividade acirrada com concorrentes e a dinâmica de alta de juros, o que impacta negativamente ações de alto crescimento. As duas corretoras estão neutras em relação aos papéis.

Em contrapartida, a Genial Investimentos recomenda a compra, com preço-alvo em R$ 31.

“Se compararmos com os seus concorrentes Magazine Luiza (MGLU3) e Via(VIIA3), a Americanas possui um portfólio de produtos mais diversificado, que geram maior resiliência diante de esse cenário macroeconômico mais desafiador”, justifica o relatório da Genial.

A diversificação se refere à menor dependência de linha branca, ou seja, de itens voltados para eletrodomésticos, como geladeira e fogão.

Americanas se destaca no digital, apesar de ataque cibernético

A Genial destaca que, mesmo com as suas operações digitais indisponíveis por cerca de 4 dias, resultado de um ataque cibernético na segunda metade de fevereiro deste ano, a Americanas conseguiu recuperar o ritmo de venda e reerguer seu crescimento de suas vendas totais (GMV Total), que cresceram quase 22% nesse primeiro trimestre de 2022.

Em concordância, a Ativa também destaca o digital e a entrega de um bom trimestre, com crescimento satisfatório das vendas totais – em linha com o Mercado Livre no Brasil – apesar do contratempo com o incidente cibernético.

As vendas totais cresceram 22% ao ano (contra 3% da Via e 23% do Mercado Livre), impulsionados pelo crescimento de 28% das vendas totais das lojas físicas.

Disclaimer 

Money Times publica matérias informativas, de caráter jornalístico. Essa publicação não constitui uma recomendação de investimento.

Receba as newsletters do Money Times!

Cadastre-se nas nossas newsletters e esteja sempre bem informado com as notícias que enriquecem seu dia! O Money Times traz 8 curadorias que abrangem os principais temas do mercado. Faça agora seu cadastro e receba as informações diretamente no seu e-mail. É de graça!

Última atualização por Renan Dantas - 13/05/2022 - 16:07

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender
As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto