Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Análise de preço da Binance Coin (BNB) — parte 1: token completa três anos

14/07/2020 - 12:01
Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento
Aspectos técnicos para a BNB/USD sugerem uma tendência crescente de alta conforme o preço do token está cima da média móvel exponencial (MME) e a Nuvem diária. Um possível padrão gráfico de alta também está próximo de acontecer, conforme o preço é impulsionado para US$ 38. Em vez disso, o forte volume de apoio para a BNB está entre US$ 12 e US$ 16 (Imagem: Binance Academy)

Binance Coin (BNB) dá acesso a diversos recursos na corretora Binance. Embora o ativo fosse um token ERC-20, a migração ao Binance Chain (BEP2) aconteceu no fim de abril de 2019.

Sua capitalização de mercado é de US$ 2,4 bilhões, com mais de US$ 113 milhões no volume de negociação nas últimas 24 horas. BNB Coin está em décimo lugar na tabela de capitalização de mercado da Brave New Coin.

Desde sua transição para a rede principal, as correlações de preço do BNB com outros ativos principais continua aumentando.

(Imagem: CoinMetrics)

A corretora Binance começou a operar em julho de 2017, comandada pelo fundador e CEO Changpeng Zhao ou “CZ”. Anteriormente, Zhao havia trabalhado na blockchain.info entre dezembro de 2013 e maio de 2014, e foi diretor de tecnologia da OKCoin entre junho de 2014 e fevereiro de 2015.

A oferta inicial de moeda (ICO) do token BNB aconteceu entre 1º e 21 de julho de 2017, em que 100 milhões de tokens BNB foram vendidos, arrecadando US$ 15 milhões com um preço de token de US$ 0,15. Investidores e conselheiros incluem Matthew Roszak, Roger Ver, Chandler Guo, Zhao Dong e Da Hongfei.

BNB possui um fornecimento limite de 200 milhões de tokens, em que 50% foram vendidos durante a ICO, 40% foi para a equipe de desenvolvimento e 10% para investidores-anjo. Os fundos da equipe possuem um cronograma de aquisição, em que 20% dos 16 milhões de tokens foram inicialmente distribuídos e outros 20% serão distribuídos nos próximos quatro anos após a ICO.

Segundo o whitepaper, os fundos são alocados da seguinte forma: 35% para a criação da plataforma Binance e desenvolvimento de atualizações do sistema, incluindo recrutamento, treinamento e desenvolvimento da equipe; 50% para a marca e o marketing, incluindo promoção e educação contínuas sobre a Binance e as inovações de blockchain; e 15% mantido em reserva como um fundo de emergência.

Um aspecto interessante da gestão do token BNB são as queimas que acontecem a cada trimestre. Tokens são adquiridos para queima por meio de taxas de corretora, mercados de balcão (OTC) ou venda no mercado e recompra para a queima. Porém, CZ não detalhou como esse processo é feito.

As queimas de BNB são pagas com 20% dos lucros totais da corretora no trimestre. O fornecimento atual em circulação é de 147.883.948 BNBs, totalizando 11 queimas de tokens até agora.

Essas queimas continuarão até que 100 milhões de BNB, ou 50% do fornecimento total, forem destruídos. O primeiro trimestre de 2020 passou pelo segundo maior lucro total desde que a queima de tokens começou.

(Imagem: Binance Vision)

Os casos de uso para o BNB certificam que usuários continuem no ecossistema da Binance, que inclui Binance.com, Binance.US, a Binance DEX, Binance Launchpad, BEP2 e a negociação em margem.

A sede original da Binance era na China, mas migrou para o Japão no fim de 2017 e teve sedes em Taiwan em março de 2018.

Logo em seguida, a Binance anunciou a migração para Malta a fim de fundar uma corretora de fiat para cripto (ou uma plataforma “on-ramp”). Em janeiro de 2019, a empresa lançou a Binance Jersey, com negociação de fiduciária para cripto do euro (EUR) e da libra (GBP).

Binance acrescentou diversos serviços nos últimos seis meses, incluindo negociação em margem e de futuros, as stablecoins BGBP e BUSD, mercado de balcão para o yuan, empréstimo, staking e poupança.

Binance.US também foi lançada em setembro de 2019, em que usuários americanos não podem utilizar o domínio Binance.com por motivos regulatórios.

(Imagem: Binance Blog)
(Imagem: Binance Research e Binance Staking)

A stablecoin BUSD foi lançada há nove meses e atingiu US$ 1 bilhão em volume adquirido. Segundo a Binance, 155 mil usuários possuem BUSD, que pode ser usada na corretora Binance ou na plataforma Binance DEX em todo o ecossistema Binance.

Ao comparar o fornecimento em circulação de todas as stablecoins, BUSD é a quarta, atrás de tether (USDT), USD Coin (USDC) e paxos (PAX).

(Imagem: Binance Blog)
(Imagem: Binance Vision)

Projetos que migram ao BNB Chain ou projetos de ICO que são listados no BNB Chain também devem adquirir tokens BNB, que equivalem a aproximadamente US$ 30 mil (vide gráfico abaixo). Essas taxas são sujeitas a alteração por meio de um mecanismo de governança no BEP2.

Em outubro de 2018, a Binance anunciou que quaisquer taxas de listagem na Binance.com seriam enviados a um endereço de doação, que arrecadou mais de 971 BTC, ou quase US$ 9 milhões, de aproximadamente 1,7 mil doadores.

Ainda não se sabe se as taxas de listagem na Binance DEX fazem parte desse fundo de caridade.

(Imagem: Binance Chain Docs)

Binance.com, Binance.US e a Binance DEX continuaram a listar uma gama de pares de negociação, incluindo pares denominados em BNB. Taxas para ambas as corretoras podem ser pagas em BNB ou outros ativos, em que taxas pagas em BNB possuem um desconto de 25%.

Além disso, Binance.com e Binance.US possuem um programa hierárquico de desconto em taxas de negociação para contas que detém um saldo significativo de BNB. Essas taxas são bem menores do que as dos competidores da Binance.

(Imagem: Binance.US)

O lançamento da Binance DEX vem após um período de testes de dois meses, em que quase 8,5 milhões de transações foram realizadas em uma competição simulada de negociação, uma competição de programação e um programa de caça a bugs (ou “bug bounty), em que novas atualizações e melhorias foram implementadas.

Em julho de 2019, a Binance DEX restringiu geograficamente os usuários em 29 países, incluindo os EUA.

A rede principal BEP2 foi ao ar no dia 23 de abril e é focada na emissão e na negociação de tokens. Todas as taxas de transação são denominadas em BNB.

O blockchain usa o mecanismo de consenso de Tolerância a Falhas Bizantinas (BFT) da Tendermint e não possui recursos de contratos autônomos (ou “smart contracts”).

Segundo a descrição do BEP2, “os validadores iniciais são selecionados de membros confiáveis da comunidade Binance e, no futuro, irá expandir para mais membros conforme o blockchain e o ecossistema Binance amadurece.

Essa responsabilidade será distribuída”, com mais validadores a serem incluídos ao longo do tempo. Os nós de Verificação Simples de Pagamento (SPV) também podem usar a rede sem verificação ou participação no consenso.

Em janeiro de 2020, a Binance DEX excedeu US$ 50 milhões em volume de negociação para 121 pares negociáveis e negociação integrada por meio da carteira de hardware Trezor.

Cerca de 50 milhões de transações foram processadas por mais de 330 endereços, com um total de 165 de tokens BEP2 no Binance Chain.

(Imagem: Binance Blog)

A plataforma de oferta inicial de corretora (IEO) da Binance, Launchpad, completou a primeira IEO do ecossistema no fim de abril e usa um sistema de bilhetes de loteria para participação.

Cada bilhete é obtido ao reter pelo menos 100 BNB em um período de 20 dias antes da loteria, em que cada conta pode ter até cinco bilhetes.

Ao todo, IEOs no Binance Launchpad tiveram ótimo desempenho e ultrapassaram grande parte dos projetos em outras plataformas. Os rendimentos com IEOs da Binance também ultrapassaram os de outras corretoras em inúmeras magnitudes.

Rendimento anual médio em IEOs por plataforma (Imagem: Blockchain Capital)

A partir de julho de 2018, 10% de todas as taxas de negociação foram armazenadas no Fundo Seguro de Ativos para Usuários da Binance (SAFU). O SAFU atua como um seguro adicional contra desastres.

No dia 8 de maio, Binance relatou o roubo de 7.074 BTC equivalentes a US$ 40 milhões. Em seguida, CZ relatou que bitcoins foram sacados das carteiras “quentes” da Binance, que continuam apenas 2% das posses totais em bitcoin da corretora.

Outras carteiras da Binance não foram afetadas. Todos os fundos perdidos no hack foram substituídos com fundos emergenciais da Binance.

A corretora foi desativada por inúmeros dias enquanto a infraestrutura principal do sistema foi reiniciada e reformulada para evitar futuros ataques, incluindo alterações significativas à interface de programação de aplicações (API), à autenticação de dois fatores (2FA) e às áreas de validação de revogação, exploradas por hackers durante o incidente.

O ataque foi parecido com as anormalidades de mercado na Viacoin e Syscoin, que aconteceram em março e em julho de 2018, quando o par VIA/BTC atingiram 0,025 BTC e o par SYS/BTC atingiu 95 BTC.

Existem três níveis de permissão em API na Binance: leitura, negociação e saque. Para Viacoin e Syscoin, APIs devem ter sido acessadas por meio de plataformas externas com pouca segurança que usavam essas chaves de API para propósitos de negociação.

No ataque mais recente, uma lista bem maior de chaves de API foi acessada por um invasor, que incluía chaves de API que permitiam saques. O par LINK/PAX também foi afetado da mesma forma que os pares VIA/BTC e SYS/BTC e atingiu quase US$ 10 mil.

Estatísticas “on-chain” para o token BNB incluem tanto o token ERC-20 como a rede principal BEP2. Desde o lançamento da rede principal em abril de 2019, as contagens diárias de transação (linha no gráfico abaixo) aumentaram e os valores médios diários de transação (picos no gráfico abaixo) diminuíram.

Nos últimos meses, transações atingiram altas históricas enquanto valores de transação atingiram baixas históricas. Provavelmente, essa é uma consequência direta do lançamento da Binance DEX e as transações associadas.

(Imagem: CoinMetrics)

Os endereços diários ativos da BNB variaram entre mil e 24 mil no último ano (picos no gráfico abaixo). Esses endereços são altamente correlacionados com o preço do token BNB (linha no gráfico abaixo).

Em julho de 2019, a Binance anunciou a restrição geográfica para usuários americanos, barrando-os completamente em setembro. A queda nos endereços diários ativos e no preço do token foram correlacionados ao anúncio.

(Imagem: CoinMetrics)

Um direcionador principal no sucesso do token BNB é a ascensão da marca global da Binance e do acesso contínuo ao volume de negociação. A empresa possui entre 500 e 600 funcionários em todo o mundo.

Desde o início de 2018, a corretora Binance possui a maior participação do mercado. Isso também fez com que a Binance fosse alvo de reguladores e pode chamar a atenção de agentes policiais, principalmente nos EUA.

Dentre as 10 principais corretoras em volume de negociação, Binance.US não possui distinção comercial para serviços monetários nem uma BitLicense de Nova York.

A ascensão da Binance – proporção do volume total mensal (em mercados à vista) entre corretoras Bitwise 10 (Imagem: Brave New Coin)

Nos mercados, o volume negociado em corretoras do BNB nas últimas 24 horas foi liderado pelos pares tether (USDT) e bitcoin (BTC). Quase todo esse volume vem da própria corretora Binance.

Assim conforme outras corretoras começam a lançar suas próprias moedas (ou “exchange tokens”), como o LEO da Bitfinex, é improvável que o BNB seja listado em corretoras adversárias. Em alguns casos, Binance também pode exigir que a corretora tenha BNB para facilitar a negociação.

Os dados mundiais no Google Trend pelo termo “Binance Coin” mantiveram bem baixos desde o fim de 2017 ao início de 2018. Um lento aumento nesse período corresponde às altas de preço no amplo mercado, provavelmente sinalizando interesse de novos participantes de mercado.

Um estudo de 2015 descobriu uma forte correlação entre os dados do Google Trends e o preço do Bitcoin, enquanto um estudo de 2017 concluiu que, quando pesquisas nos EUA pelo termo “bitcoin” aumentam significativamente, o preço do bitcoin cai.

(Imagem: Google Trends)

Binance.com teve um aumento significativo de tráfego nos últimos meses, segundo uma análise de mecanismo de pesquisa realizada pela Alexa. Atualmente, o site está classificado no 1.029º lugar e está no 3.497º lugar nos EUA.

Em 2019, Binance.com estava classificada no 841º lugar globalmente. Nos EUA, Coinbase e Binance.US estão classificadas nas posições 557 e 3.162, respectivamente e, no site CoinMarketCap, Binance possui a melhor classificação entre sites relacionados a cripto, no 883º lugar globalmente.

(Imagem: Alexa)

Parte 2

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Última atualização por Daniela Pereira do Nascimento - 14/07/2020 - 12:01