Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Arm detalha seus novos chips de data center

27/04/2021 - 15:43
Chip
A Arm disse que seus núcleos de computação Neoverse N2 devem ser cerca de 40% mais rápidos do que os da geração anterior (Imagem: REUTERS/Kim Kyung-Hoon)

A Arm, empresa britânica de tecnologia de chips que está sendo comprada pela Nvidia em um negócio de 40 bilhões de dólares, deu novos detalhes sobre sua próxima geração de tecnologia para data centers nesta terça-feira.

Ela ainda afirmou que a Oracle e o Alibaba usarão os chips.

O modelo de negócio da Arm é criar uma propriedade intelectual base que outras empresas, como a Qualcomm e a Apple(AAPL), licenciam para desenvolver seus próprios chips de processador.

A tecnologia da Arm capacita a maioria dos telefones móveis, mas a empresa está avançando nos processadores de data center, mercado que a Intel e a Advanced Micro Devices (AMD) há muito dominam.

Analistas veem os investimentos da Arm em chips para data center como a principal razão para a Nvidia, que compete com a Intel, comprar a empresa. Autoridades britânicas invocaram uma lei de segurança nacional para revisar o acordo.

A Arm disse que seus núcleos de computação Neoverse N2 devem ser cerca de 40% mais rápidos do que os da geração anterior.

A empresa também afirmou que seus núcleos V1 – que são projetados para lidar com um tipo diferente de matemática, comumente usado para inteligência artificial – devem ser 50% mais rápidos do que os métodos tradicionais de fazer as mesmas tarefas.

A Arm também disse que a Marvell está produzindo um chip usando sua nova tecnologia.

Ela afirmou que a Oracle usará chips baseados em tecnologia Arm feitos pela Ampere em seu crescente negócio de computação em nuvem, e que o gigante de tecnologia chinesa Alibaba está se preparando para oferecer serviços de computação em nuvem baseados em tecnologia Arm.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por André Luiz - 27/04/2021 - 15:43

Pela Web