Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Ata mostra que BC “trucou” reformas fiscais para cortar Selic

17/01/2017 - 11:41

Copom

A ata da última reunião do Copom, que pegou o mercado de surpresa ao acelerar os cortes de 50 pontos-base para 75 p.b, mostra que o Banco Central tem confiança na aprovação das reformas fiscais no Congresso, além de avaliar que os últimos dados sobre a economia sustentavam a mudança no ritmo das tesouradas.

“O acentuamento do ciclo de afrouxamento monetário teria bases nos indicadores econômicos como assim citado, porém os condicionantes para isto também dependiam e ainda dependem dos avanços de reformas em âmbito congressual, em especial a reforma da previdência e por fim, a própria continuidade do atual governo”, avalia Jason Vieira, economista-chefe da Infinity Asset.

Segundo ele, as evidências econômicas sustentam um ciclo mais acentuado de cortes de juros, mas o BC deixou de sinalizar claramente o que aconteceu após a sua “data de corte”. Vieira se refere ao parágrafo 17 do documento. Nele, a autoridade monetária pondera suas decisões pelos dados de atividade e inflação apresentados até o dia 9 de dezembro. O economista da Infinity acredita que o ciclo de afrouxamento deve continuar com novos cortes de 75 pontos-base.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Leia mais sobre: , , ,

Última atualização por - 05/11/2017 - 14:08