Baixa oferta de suínos em peso de abate eleva preço do vivo em junho

Por Cepea
10/06/2021 - 11:21
Suínos Porcos Agropecuária Agronegócio Carnes
As exportações brasileiras de carne suína também seguem elevadas neste mês (Imagem: Unsplash/Christopher Carson)

A menor disponibilidade de suínos em peso ideal para abate e a consequente retração de vendedores impulsionaram os preços do animal neste início de junho no mercado independente de todas as regiões acompanhadas pelo Cepea.

Demandantes, inclusive, relatam certa dificuldade em adquirir novos lotes de suínos.

De 2 a 9 de junho, o vivo comercializado na região SP-5 (Bragança Paulista, Campinas, Piracicaba, São Paulo e Sorocaba) se valorizou 17,4%, indo a R$ 6,51 por kg na quarta-feira (9).

As exportações de carne suína também seguem elevadas neste mês, depois da forte alta registrada entre abril e maio, ocasionada pelo aumento dos embarques à China, que comprou 54,2 mil toneladas do produto no último mês, 53.8% do total exportado pelo Brasil.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado agro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Lucas Eurico Simões - 10/06/2021 - 11:21

Pela Web