Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Banco Inter cria índices para avaliar fundos imobiliários e lançará ETF em janeiro

19/12/2019 - 19:42
Banco lançará índice para posterior criação de ETF (Imagem: Unsplash/@wenhilario)

Diante do crescente interesse dos investidores nos fundos imobiliários, a equipe de análise do Banco Inter (BIDI4) criou dois índices para medir o desempenho destes ativos em relação ao Ibovespa e ao CDI, taxa de referência.

A economista-chefe Rafaela Vitória explica que “os índices foram desenvolvidos considerando as diferentes características dos fundos e também suas condições de liquidez para que sejam replicáveis”.

A criação dos indicadores será referência para o lançamento de um ETF (Exchange Traded Fund) replicador do desempenho do indicador, em janeiro de 2020.

Basicamente, o ETF funciona como um espelho, sendo utilizado para fornecer maior liquidez no mercado, ou seja, para criar condições superiores de compra e venda dos ativos.

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!

“Tijolo” e “papel”

A ideia do Banco Inter é avaliar o desempenho de dois tipos distintos de fundos imobiliários: os de “papel” e os de “tijolo”, através dos índices IFI-D e IFI-E – respectivamente.

O primeiro grupo é composto por fundos que investem em ativos não concretos e intangíveis, como CRIs (Certificados de Recebíveis Imobiliários) e LCIs (Letras de Crédito Imobiliário).

Já nos fundos de “tijolo”, os gestores vendem e compram ativos reais e visíveis, como hotéis, prédios comerciais, shoppings, galpões logísticos, entre outros.

Confira os gráficos comparativos do índice:

Fonte: Twitter da economista-chefe Rafaela Vitoria
Fonte: Twitter da economista-chefe Rafaela Vitoria

Última atualização por Valter Outeiro da Silveira - 19/12/2019 - 20:09