Empresas

BB Seguridade (BBSE3) pagará R$ 2,7 bilhões em dividendos

21 jun 2024, 17:46 - atualizado em 21 jun 2024, 17:56
bb-seguridade
Segundo o documento, os valores a serem distribuídos por ação e as datas de pagamento e de início das negociações das ações ex-dividendos serão informados após a divulgação dos resultados do 2T24 (Imagem: Divulgação)

A BB Seguridade (BBSE3) aprovou o pagamento de R$ 2,7 bilhões em dividendos, mostra documento enviado ao mercado nesta sexta-feira (21).

Segundo o comunicado, os valores a serem distribuídos por ação e as datas de pagamento e de início das negociações das ações ex-dividendos serão informados após a divulgação dos resultados do 2T24, prevista para o dia 5 de agosto de 2024.

Lucro da BB Seguridade

O pagamento diz respeito ao lucro do primeiro trimestre de 2024. No período, o banco teve lucro de R$ 2 bilhões. O número representa uma alta de 10,4% na comparação com os R$ 1,8 bilhão, reportados no mesmo período de 2023.

A cifra também foi superior ao projetado pelo mercado, uma vez que consenso reunido pela Bloomberg apontava para um lucro de R$ 1,893 bilhão.

O resultado financeiro consolidado totalizou R$ 221 milhões, queda de 34,7% em meio à redução da taxa Selic e performance negativa de marcação a mercado diante da abertura na curva de juros futuros.

Ruy Hungria, analista da Empiricus Research, afirma que o resultado financeiro ficou abaixo das expectativas do mercado, mas, no geral, foi positivo.

O resultado, segundo ele, é importante, mas, às vezes, está fora do controle da companhia. Enquanto isso, o resultado operacional foi considerado positivo e serve como contrapeso.

Editor-assistente
Formado pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, cobre mercados desde 2018. Ficou entre os 50 jornalistas +Admirados da Imprensa de Economia e Finanças das edições de 2022 e 2023. É editor-assistente do Money Times. Antes, atuou na assessoria de imprensa do Ministério Público do Trabalho e como repórter do portal Suno Notícias, da Suno Research.
Linkedin
Formado pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, cobre mercados desde 2018. Ficou entre os 50 jornalistas +Admirados da Imprensa de Economia e Finanças das edições de 2022 e 2023. É editor-assistente do Money Times. Antes, atuou na assessoria de imprensa do Ministério Público do Trabalho e como repórter do portal Suno Notícias, da Suno Research.
Linkedin
Giro da Semana

Receba as principais notícias e recomendações de investimento diretamente no seu e-mail. Tudo 100% gratuito. Inscreva-se no botão abaixo:

*Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.