BNB Chain: Confira quais jogos e metaversos serão as primeiras “sidechains” da rede

Leonardo Rubinstein Cavalcanti
31/05/2022 - 16:01
Binance Coin BNB
Confira os três primeiros projetos que usarão a ferramenta de construção de sidechain da BNB Chain. (Imagem: Binance/Blog)

A BNB Chain, rede de contratos inteligentes da Binance, anunciou nesta terça-feira (31) o lançamento do BNB Application Sidechains (BAS) em um novo planejamento tecnológico da rede para 2022.

Para estreiar-lá, três projetos já anunciaram o lançamento de suas Mainnets (redes principais): são os projetos META Apes, Metaverse World e Project Galaxy.

O BNB Application Sidechains (BAS), é uma ferramenta para construção de sidechains (blockchains paralela ao BNB Chain) voltada para a comunidade do BNB Chain construir aplicativos descentralizados (dApps), jogos e metaversos.

A nova estrutura de sidechain, busca ser uma ferramenta para facilitar que desenvolvedores construam dApps para lançar seus próprios blockchains no mercado cripto.

Primeiros jogos em sidechains da BNB Chain

Conforme anunciado, três Dapps estão prontos para serem implantados no BAS, incluindo Meta Apes (um jogo desenvolvido no Ankr BAS), e CUBE da Metaverse World – uma subsidiária da Netmarble, e On-chain Achievement Token do Project Galaxy (construído na solução BAS Blockchain da NodeReal) .

Além disso, a integração do MathWallet com o BAS visa facilitar a conexão dos usuários às sidechains e os principais protocolos, incluindo Pyth Network Celer e Multichain, continuam a oferecer suporte ao BAS.

Taylor Shim, líder de negócios da Meta Apes, comenta que a equipe foi capaz de projetar rapidamente um blockchain com as próprias regras, contratos inteligentes e modelos econômicos.

“BNB Chain tornou muito simples para nós desfrutar de uma vasta gama de funcionalidades com ferramentas integradas (por exemplo, pontes, staking UI) e integração nativa com o resto do ecossistema BNB Chain”, diz.

Sung Hun Kim, CEO da Metaverse World, comenta que para preencher a lacuna entre Web 2.0 e Web 3.0, haverá uma ênfase maior na interoperabilidade e escalabilidade para blockchain, e os construtores precisarão de suporte de infraestrutura.

Para ele, o BNB Chain forneceu uma estrutura muito flexível para casos de uso como GameFi, finanças descentralizadas (DeFi) e tokens não fungíveis (NFTs), mostrando uma tremenda promessa de trazer as massas para a plataforma CUBE.

“À medida que abordamos o público global com IPs poderosos e multiplataforma virtual, a BAS oferece suporte operacional e técnico para gerenciar facilmente a população altamente ativa em nosso ecossistema.”

Charles Wayn, cofundador do Project Galaxy disse que a “gameficação” e outros aplicativos baseados em blockchain não mostram sinais de desaceleração e continuarão a dominar o espaço.

“No entanto, não conseguiremos fazer isso sem uma infraestrutura segura, escalável e interoperável.”

Como funciona o BNB Application Sidechains (BAS)?

A ferramenta está conectada ao BSC (BNB Smart Chain) por meio de estruturas chamadas de pontes, como cBridge e Multichain, que permitem conexão instantânea com todo o ecossistema BNB Chain.

Patrick Degenhardt, vice-presidente de marketing do BNB Chain Labs, comenta que: “O BNB Chain construiu uma reputação de Dapps que atrai uma base de usuários muito alta – atingindo efetivamente mais de 3 bilhões de transações até o momento.”

Segundo Degenhardt, a missão da equipe é levar a Web 3.0 a 1 bilhão de usuários. Portanto, serão necessárias soluções técnicas inovadoras para permitir que a comunidade cresça: “O BAS está sendo lançado agora para ajudar a apoiar esse objetivo.”

O BAS oferece às equipes de tecnologia, segundo ele, uma grande flexibilidade ao definir os parâmetros de construção de sua sidechain.

“Dapps de grande escala como Gaming, Social Media ou metaverso que visam atingir um alto número de usuários ativos e volume, sua própria economia de tokens, bem como taxas de transação reduzidas ou quase zero e um conjunto flexível de validadores, representam o uso pioneiro cases para sidechains no ecossistema BNB Chain”, diz.

A implementação do BAS é dupla: sidechains com algóritmo de validação de Prova de Aposta (Proof of Stake ou PoS) e tecnologias de solução de segunda camada rollups zkRollups (tecnologia que comprime transações fora da rede principal e as mandam de volta após o processo de validação).

BNB Chain
Estrutura da rede que busca acessibilizar ferramentas para construção de sidechains na BNB Chain. (Imagem: BNB Chain/Divulgação)

As implementações iniciais da rede primária da estrutura (BAS Mainnet) são baseadas em redes Proof-of-Stake Authority (PoSA) da Ankr e NodeReal.

Os rollups de conhecimento zero (zkBAS) serão lançados em fases durante o restante de 2022. O zkBAS completará essa arquitetura para o BNB, oferecendo aos desenvolvedores ainda mais opções em termos de velocidade de transação, uso do BNB como token de gás e maior velocidade de configuração.

A atualização segue o lançamento do BAS Testnet em março de 2022, lançado pelos parceiros de infraestrutura da BNB Chain, Ankr, Celer e NodeReal, de acordo com o roteiro de 2022 da BNB Chain.

Entre para o nosso Telegram!

Faça parte do grupo do Crypto Times no Telegram. Você acessa as notícias do mundo cripto em tempo real e ainda pode participar das discussões da comunidade. Entre agora para o grupo do Crypto Times no Telegram!

Última atualização por Kaype Abreu - 31/05/2022 - 16:01

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado cripto?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto