Boi entra na 3ª feira renovando rali de queda, sem mercado interno e sem sinal de exportações

13/09/2021 - 16:06
Pecuária de corte Boi Carnes Agronegócio
Preço do boi não reage sem sinalização de mercado comprador mais firme, externa e internamente (Imagem: Embrapa/Ana Maio)

Sem exportações de carne bovina retomadas a pleno (e com os grandes importadores ausentes) e o consumo interno acelerando a fraqueza com a chegada da segunda quinzena, a segunda-feira (13) de baixa liquidez no mercado físico apertou um pouco mais a referência da @ do boi.

A menos que o Cepea mostre alguma atividade positiva – após o menos 0,23% da sexta (-2,30% no mês), a R$ 305,25 para São Paulo -, as referências de preços vão entrar a terça em uma rodada de liquidação.

A Scot consultoria marcou R$ 301 a vista, livre de imposto (Funrural), descendo dos R$ 303 do registrado no último dia útil da semana passada.

Na Agrifatto, ficou tudo igual, R$ 308.

Há uma expectativa de retomada das vendas externas ainda esta semana, depois da parada defensiva dos compradores, como a China, depois dos episódios da vaca louca atípica.

Mas diante da paralisação das vendas os bois já contratados dariam para preencher as programações de embarques dos frigoríficos.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado agro?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Giovanni Lorenzon - 13/09/2021 - 16:14

Cotações Crypto
Pela Web