Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

BTG Pactual lança token brasileiro ReitBZ no blockchain Tezos

19/05/2020 - 16:06
BTG Pactual deseja lançar um mercado secundário para o RBZ a fim de fornecer mais liquidez aos valores mobiliários digitais (Imagem: Crypto Times)

O BTG Pactual, o maior banco de investimentos da América Latina, anunciou nesta terça-feira (19) o lançamento do token brasileiro ReitBZ (RBZ) no blockchain Tezos.

De início, o ReitBZ foi emitido no blockchain da Ethereum, em maio de 2019, mas agora está sendo negociado na Tezos após o banco ter anunciado que iria usar a plataforma para futuras ofertas de security tokens (STOs, na sigla em inglês).

Security tokens são ativos (tokens) considerados como valores mobiliários, que dão, por exemplo, direitos de uma instituição ou empresa a seus detentores.

O BTG Pactual deseja lançar um mercado secundário para o token a fim de fornecer mais liquidez aos valores mobiliários digitais.

“Decidimos emitir ReitBZ em uma parceria com a Tezos Foundation e testar o blockchain Tezos para que possamos usar a tecnologia e executar STOs futuras e mais complexas. Estamos confiantes de que a solução Tezos é bem robusta e essa emissão nos permitirá garantir mais recursos para investir no ReitBZ no futuro”, afirmou André Portilho, sócio do BTG e responsável pela STO do RBZ.

“BTG Pactual é um pioneiro na implementação de soluções blockchain para a tokenização de ativos gerenciados”, afirmou Hubertus Thonhauser, presidente do conselho da Tezos Foundation.

“Estamos empolgados que a empresa decidiu usar o protocolo Tezos para tornar essa implementação em uma realidade e esperamos pelo uso contínuo pelo BTG da tecnologia de última geração da Tezos conforme impulsiona o mercado de tokenização de ativos em direção à adesão em massa”.

Desde sua emissão, o ReitBZ foi usado na aquisição de 238 unidades imobiliárias em agosto de 2019 e mais 85 em dezembro de 2019.

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Daniela Pereira do Nascimento - 25/06/2020 - 23:56