Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

BTG troca fundos imobiliários de logística na carteira de abril

05/04/2021 - 11:29
vinci logística
A sugestão de compra do Safra para o Vinci Logística tem como base o portfólio diversificado do fundo, uma carteira de locatários pulverizada e a boa liquidez (Imagem: Vinci Logística)

O BTG Pactual (BPAC11) realizou uma troca na carteira recomendada de fundos imobiliários em abril. A mudança ocorreu entre ativos ligados ao setor de logística: o BTG Pactual Logística (BTLG11) saiu do portfólio, dando entrada para Vinci Logística (VILG11), que passa a ter peso de 10%.

A sugestão de compra do banco para o Vinci Logística tem como base o portfólio diversificado do fundo, com maior exposição a Extrema, Minas Gerais; uma carteira de locatários pulverizada, formada por grandes empresas como Netshoes, Magazine Luiza (MGLU3) e Ambev (ABEV3); e a boa liquidez.

A carteira de FIIs de abril segue com maior exposição a ativos de recebíveis (32,5%), seguidos por galpões logísticos (27,5%), híbridos (25%) e lajes corporativas (15%).

A carteira apresenta dividend yield (rendimento do dividendo) anualizado de 7% e dividend yield para os próximos 12 meses de 6,7%.

Abrão Filho aumenta 135% sua receita em 2021

Fundo Ticker Segmento Peso Dividend yield anualizado
RBR Rendimento High Grade RBRR11 Recebíveis 12,50% 7,50%
BTG Pactual Crédito Imobiliário BTCR11 Recebíveis 7,50% 7,80%
Kinea Rendimentos Imobiliários KNCR11 Recebíveis 5% 4,20%
Capitania Securities II CPTS11 Recebíveis 7,50% 12,40%
XP Log XPLG11 Galpões logísticos 10% 6,10%
Vinci Logística VILG11 Galpões logísticos 10% 4,60%
HSI Logística HSLG11 Galpões logísticos 7,50% 6,30%
RBR Properties RBRP11 Híbrido 15% 6,80%
Santander Renda de Aluguéis SARE11 Híbrido 10% 8%
BTG Pactual Corporate Office BRCR11 Lajes corporativas 5% 7%
Rio Bravo Renda Corporativa RCRB11 Lajes corporativas 5% 6%
CSHG Real Estate HGRE11 Lajes corporativas 5% 5,80%

Em março, a carteira apresentou ligeira alta de 0,04% contra a queda de 1,38% do Índice de Fundos Imobiliários (Ifix). Os analistas continuam otimistas com o mercado, apesar dos desafios no curto prazo.

“Olhando para a frente, entendemos que a indústria deve continuar crescendo a passos largos”, disse o BTG. “A retomada da atividade da economia tem a capacidade de aumentar a demanda por bens e serviços, estimulando as empresas a crescerem e beneficiando os segmentos de lajes corporativas, galpões logísticos e shopping centers“.

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Diana Cheng - 05/04/2021 - 11:29

Pela Web