Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Fast

Canal do Panamá eleva tarifas por baixos níveis de água

14/01/2020 - 13:01
canal-panama
Os navios com mais de 38 metros de comprimento pagarão uma nova taxa fixa (Imagem: Unsplash/@sthomanns)

O Canal do Panamá planeja aumentar as taxas de embarque por causa do declínio dos níveis de água ao longo da rota que conecta o Pacífico ao Caribe.

O canal de 80 quilômetros de comprimento recebe grande parte das águas do Lago Gatún. O ano passado foi o quinto mais seco nas últimas sete décadas na região dos arredores. Isso depois de vários anos de precipitação abaixo da média. Ao mesmo tempo, a evaporação da água aumentou 10% devido às maiores temperaturas.

Sem as taxas extras e outras mudanças operacionais, a Autoridade do Canal do Panamá disse que o declínio do nível da água afetará as eclusas ao longo do canal que operam os navios Neopanamax e Panamax, os maiores navios que usam a rota, segundo comunicado divulgado na segunda-feira.

Os navios com mais de 38 metros de comprimento pagarão uma nova taxa fixa. As embarcações também pagarão uma nova taxa entre 1% e 10% do pedágio, dependendo do nível da água no Lago Gatún. Além disso, a autoridade está mudando o sistema de reservas do canal para incluir 27 slots, o mesmo número oferecido durante as interrupções nas faixas.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

A autoridade disse que planeja fornecer aos clientes dados em tempo real e estimativas sobre os níveis de água no Lago Gatún e os calados máximos disponíveis. Os níveis oficiais dos lagos serão publicados diariamente e previstos com dois meses de antecedência. A autoridade também disse que investirá mais para abordar a sustentabilidade do abastecimento de água do canal.

Nenhum representante da autoridade portuária foi imediatamente encontrado para comentar.

Última atualização por Vitória Fernandes - 14/01/2020 - 13:01

Há uma bolha na Bolsa brasileira?