Clima, sempre ele. EUA correm com a soja contra primeiras nevascas e Brasil o excesso de chuvas

20/10/2021 - 7:57
Soja
Mercado de olho na corrida da colheita da soja nos EUA antes que o clima a prejudique (Imagem: Pixabay/mtrx)

Nos Estados Unidos, os agricultores correm para colher a soja antes que as primeiras nevascas possam chegar em algumas regiões. No Brasil, os daqui correm para plantar antes de chuvas mais abundantes.

Os dois estão acima das condições vistas no mesmo período de 2020.

Dito isso, o segundo maior produtor mundial já tem 55% dos grãos nos armazéns.

Nos campos brasileiros, a média está em 45% de semeadura, sendo o Paraná com a marca de 75% e o Mato Grosso, com 55%. No total, entre 40,5 a 41 milhões de hectares, contra 38 milhões da safra 20/21.

As avaliações, consideradas pelo consultor Vlamir Brandalizze, e que ajudam a deixar em tendência de baixa os preços – desconsiderando a contaminação da maior demanda chinesa -, são completadas por safras recordes esperadas.

Os americanos, em 121,1 milhões de toneladas. No Brasil, 144,2 milhões.

“O Paraná já teve alguns pontos com chuvas atrapalhando o plantio”, diz o analista.

Última atualização por Giovanni Lorenzon - 20/10/2021 - 8:09

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado agro?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto
Pela Web