Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Consumidores pagariam 35% a mais em produtos por serem sustentáveis, afirma IBM

14/01/2020 - 9:34
consumo-compras-roupas
Não é apenas o pensamento sobre o consumo que mudou, mas também a forma de comprar (Imagem: Unsplash/@charlesdeluvio)

A IBM divulgou na última semana um estudo sobre tendências de consumo global e constatou que a busca pela sustentabilidade e marcas transparentes está cada vez mais ativa. De acordo com os resultados, os entrevistados afirmaram que pagariam 35% a mais do valor para comprar produtos considerados sustentáveis.

Hoje, um terço de todos os consumidores deixaria de comprar seus produtos preferidos se perderem a confiança e um terço já parou de comprar suas marcas favoritas em 2019.  Eles estão dispostos a mudar seus hábitos de consumo pelas marcas que acertam em seus produtos e identidade.

“A transparência é prova de que uma organização e suas ofertas são o que a empresa afirma ser. As marcas podem alavancar dados e integrar tecnologia blockchain como diferenciais de marca que efetivamente fornecem transparência e rastreabilidade – o que também aumentará os lucros, pois o estudo mostra que os compradores pagam mais se um varejista puder demonstrar sua procedência ”, disse Luq Niazi, diretor global da IBM Consumer Industries.

Não é apenas o pensamento sobre o consumo que mudou, mas também a forma de comprar. Os consumidores agora compram quando e onde for mais conveniente, geralmente enquanto fazem outra coisa. 7 em cada 10 pessoas compram em “micro-momentos” ou ao mesmo tempo que realizam suas tarefas diárias.

Enquanto a compra por impulso eventualmente acontecia no passado, agora é um costumo normal, incluindo compras feitas em um dispositivo móvel enquanto está em uma loja física.

De acordo com a pesquisa, o mercado moderno criou uma nova geração de clientes que trazem maiores demandas e desafios para os varejistas em 2020. Os resultados do estudo revelam grandes mudanças nos comportamentos de compra que exigem uma mudança fundamental na forma como os varejistas e as marcas de produtos de consumo criam afinidade com a marca.

Metodologia

A pesquisa foi desenvolvida em parceria com a National Retail Federation (NRF) e entrevistou cerca de 19 mil consumidores de 28 países (incluindo o Brasil) em todos os grupos demográficos e gerações, com idades entre 18 e 73 anos.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Leia mais sobre: Consumo, IBM, Pesquisas, Sustentabilidade

Última atualização por Vitória Fernandes - 14/01/2020 - 9:34