Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM
Conteúdo de Marca

Carteira que ‘varreu’ o Ibovespa tem 20 ações que podem subir 1.000% no atual ciclo de alta da Bolsa; veja

Parece até difÍcil de acreditar, mas o Ibovespa – índice brasileiro – que amargou 6 circuit-breakers seguidos em Março de 2020, acaba de passar por 5 pregões seguidos de alta também seguidos. Um paradoxo que colocou um baita dinheiro no bolso de alguns investidores. Afinal, atingimos, pela primeira vez, a marca histórica de 130 mil pontos.

Trata-se de um salto de 106% em apenas doze meses, dobrando o dinheiro de quem conseguiu investir no índice brasileiro no ápice da pandemia do covid. Mas, se você está animado com o Ibovespa nas máximas, preciso te dizer: isso não chega nem perto do quanto você pode lucrar com algumas ações específicas da Bolsa.

Isso porque, o mercado de ações vai muito além do Ibovespa. Ele representa apenas a média de retorno das 84 empresas que o integram. E, por mais que alguns especialistas afirmem que o nosso índice ainda está descontado em dólar e que ele vai atingir a marca dos 150 mil pontos ainda em 2021, a verdade é que os maiores ganhos não estão nessa média da Bolsa. 

Pelo contrário, eles estão “escondidos” justamente nas menores e mais desconhecidas. São os papéis dessas companhias menores que, por sofrerem mais em momentos de crise, conseguem entregar lucros que chegam a ser 10x superiores aos do Ibovespa – ou até mais que isso – nos ciclos de alta.

Por exemplo, no ciclo de alta que durou entre 1990 e 1997 o Ibovespa subiu 312%. Ou seja, multiplicou o capital investido por mais de 4 vezes. Um retorno impressionante, mas essa é a média. Como é de se esperar, as ações que encabeçaram a retomada conseguiram entregar verdadeiras supermultiplicações e ficaram bem acima da média.

Enquanto o índice entregava pouco mais de 300% de lucro, aqueles que investiram nas ações da Telefônica Brasil multiplicaram o patrimônio por 110 vezes ao embolsar um lucro de 10.000%. Isso é 33 vezes superior ao retorno do Ibovespa no mesmo período. No mesmo ciclo de alta, Fertibrás entregou para os seus investidores 9.300% de lucro, multiplicando por 94 vezes o dinheiro investido. aqui 5 mil reais se tornariam R$ 470.000 enquanto o mesmo valor no Ibovespa seria ‘apenas’ R$ 15.000.

Depois, no ciclo de alta que durou de 2002 a 2008 o Ibovespa subiu 180%. O mesmo que multiplicar seu capital investido por quase 3 vezes. Mais uma vez, tiveram ações que se valorizaram acima da média. Com destaque para Fibam, Aços Vill e Haga S.A., que se multiplicaram por 75, 64 e 48 vezes respectivamente. 

O padrão se repetiu no ciclo de alta mais recente, no pós-crise de 2015. Entre 2016 e maio deste ano, o Ibovespa subiu 194%. Em contrapartida, as ações que lideraram o movimento de retomada, Magazine Luiza, Petrorio e Gol, entregaram multiplicações entre 15 e 101 vezes. Isso significa dizer que para se tornar milionário bastaria um investimento de R$ 10.000 nas ações de Magalu e esperar apenas 6 anos.

Agora, como o gráfico do Enfoque demonstra, estamos diante do nosso quinto ciclo histórico de alta. Veja:

Fonte: Enfoque

Repare que, ao olharmos a história da bolsa brasileira, identificamos quatro grandes ciclos fechados de alta (bull market) que duraram cerca de oito anos e entregaram multiplicações médias, ou seja, somente do Ibovespa, entre 16 e 35 vezes.

Agora, como disse, estamos diante do quinto ciclo de alta. E a boa para quem não conseguiu dobrar o dinheiro com o Ibovespa é que, embora tenhamos renovado as nossas máximas, as cotações do Ibovespa ainda nem triplicaram de valor. Inclusive, em dólar, ele andou pra trás.

Isso faz com que alguns especialistas afirmem que o Ibovespa pode chegar a 150 mil pontos ainda em 2021, e, em um futuro próximo, busque a casa dos 300 mil pontos. 

Um deles é o analista Max Bohm, responsável pela carteira de ações mais lucrativa do Brasil de 2015 até hoje, segundo levantamento interno. Ela “varreu” o Ibovespa, com rentabilidade de 559%.

Isso significa dizer que Max foi um dos analistas que indicou para os seus leitores as ações que subiram bem mais do que a média nos ciclos de alta. Por exemplo:

  • No dia 11/07/2014, Max recomendou a compra das ações de Sinqia quando elas ainda custavam R$ 1,96. De lá para cá o Ibovespa subiu 136%, já Siniqa 1.096%. 8 vezes mais; e esse não foi um caso isolado..
  • O mesmo aconteceu com a indicação feita de CardSystem no dia 11/07/2014. De lá até o dia 09/05/2017, data da recomendação de venda, a empresa de tecnologia subiu incríveis 700% contra apenas +20,98% do Ibovespa. – 33 vezes mais; e

É hoje: às ações que podem entregar 1.100% de lucro no atual ciclo de alta serão reveladas

Agora, para o quinto ciclo de alta, Max acredita que das 561 ações existentes na B3, apenas 20 serão responsáveis por entregar as maiores supermultiplicações da Bolsa. Ele está chamando este grupo seleto de ações de ‘ações da retomada’. 

São ações que, da mesma forma que Sinqia entregou 1000% de lucro, tem o potencial de multiplicar o dinheiro investido por 11 vezes em um prazo relativamente curto de tempo:

“Você está diante da maior oportunidade para multiplicar o seu capital por duas, 5, 10 vezes ou mais nas próximas semanas, meses e anos. Têm ações com upside de mais de 1.000% num prazo relativamente curto, então a janela aqui é realmente brutal. Não é exagero dizer que as pessoas que tomarem a atitude certa nos próximos dias serão os próximos milionários  brasileiros” – Max Bohm

O analista acabou de revelar o nome de todas essas ações, sem qualquer tipo de compromisso inicial, em um vídeo 100% online e 100% gratuito que saiu hoje, dia 14 de junho. Dessa forma, todos aqueles que quiserem participar e saber o nome dessas empresa, poderão fazer isso ao assistir o conteúdo nesta página.

E acredite, o momento para saber o nome de cada uma dessas ações não poderia ser melhor…

QUERO SABER O NOME DAS AÇÕES QUE PODEM MULTIPLICAR O MEU PATRIMÔNIO POR ATÉ 10 VEZES

Timing ideal: R$ 9 mil se tornaram mais de R$ 1 milhão, em apenas 3 anos

Um dos principais motivos que fazem o analista acreditar que estamos diante de uma janela única de oportunidade é que em 100% dos casos, as máximas das Bolsas internacionais foram atingidas antes de 50% da população ser vacinada em cada país ou região.

Ou seja, os mercados se antecipam, uma obviedade que você já deve saber. Dado que nos próximos meses já devemos ultrapassar essa marca, os pregões dos próximos dias serão fundamentais e decisivos, pois como o contexto histórico do cenário encontrado pelos investidores brasileiros no pós-crise são verdadeiramente transformadores.

Desde a retomada da crise do subprime, em 2008, nada menos do que 40 ações da Bolsa brasileira geraram, pelo menos, 500% de valorização, fazendo com que o dinheiro dos seus investidores tenha se multiplicado por 6x.

Mais recentemente, o mesmo aconteceu em 2015, mas, dessa vez, com uma intensidade ainda maior. A ação com melhor desempenho após a retomada da crise política e econômica que assolou o nosso país entregou 9.448% e, com isso, multiplicou o investimento dos seus acionistas por mais de 100 vezes. Veja a tabela abaixo:

Fonte: Economática / Elaboração: Empiricus

Repetindo: você precisaria de um investimento inferior a 10 mil reais para se tornar milionário investindo em Magazine Luiza, por exemplo. Tudo isso, em apenas 3 anos.

É claro que retornos passados não são garantia de retornos futuros. O ponto aqui a ser percebido é que supermultiplicações expressivas são capturadas com mais frequência em cenários de pós-crise, como o que estamos vivendo agora.

É por isso que Bohm afirma que não é exagero dizer que as pessoas que tomarem a atitude certa nos próximos dias serão os próximos milionários brasileiros. E ainda tem mais um fator extremamente importante nessa conta.

QUERO SABER O NOME DAS PRÓXIMAS SUPERMULTIPLICAÇÕES BRASILEIRAS

O estrangeiro deixou muitos brasileiros milionários, agora ele está voltando…

Além do retrospecto ser positivo no pós-crise, ainda existe um outro fator importantíssimo a ser percebido aqui.  O que acabou de se tornar notícia foi que o segundo maior fluxo de investimento estrangeiro do ano acaba de ser despejado no Ibovespa. Foram R$ 12.200 bilhões investidos por “gringos” no Brasil, apenas em maio deste ano.

O movimento recente se deu pois, como dito anteriormente, embora tenhamos renovado as nossas máximas, em dólar ainda estamos muito baratos. Hoje, o Ibovespa está sendo negociado a 25.700 pontos em dólar, praticamente a metade da sua máxima histórica de 45.000 pontos.

Por mais que pareça um assunto vazio e sem importância, a notícia animou as maiores casas de análise da Faria Lima e do Leblon porque, embora muitos não saibam, quem realmente “faz o preço” das ações no Brasil não é o brasileiro, mas sim o investidor estrangeiro.

Eles são responsáveis por aproximadamente 47% do volume de ações negociadas na B3 e, por isso, puxam o preço para cima quando veem que as ações brasileiras representam oportunidades vantajosas frente a outros investimentos internacionais.

Mais importante do que isso é ter em mente que das últimas duas vezes que grandes fluxos estrangeiros entraram na economia brasileira, aqueles que possuíam as ações certas na carteira puderam ver o seu patrimônio se multiplicar por mais de 20 vezes, como mostramos abaixo.

A primeira grande onda de investimentos estrangeiros teve início após a crise do subprime, em 2008.  Entre 2009 e 2010, dois anos após o pico da crise, um grande volume de dinheiro estrangeiro começou a ser injetado no Brasil, elevando os patamares dos ativos da Bolsa brasileira a níveis, até então, jamais vistos.

Para que você tenha uma ideia, multiplicações de até 17 vezes puderam ser capturadas após a primeira injeção de capital estrangeiro.

Depois, novamente, em 2016-17, após a crise política que quase devastou a nossa economia, houve um novo pico de investimentos estrangeiros, e os resultados foram ainda mais relevantes. Alguns papéis se multiplicaram por mais de 26 vezes, quase 27.

Na ponta do lápis, isso significa dizer que, em apenas 1 ano, cada:

  • 1.000 reais se tornaram R$ 27.000;
  • 5.000 reais se transformaram em R$ 135.000;
  • Quem colocou 37.000 reais já está com mais de R$ 1.000.000 no bolso.

Tudo isso aconteceu, não se trata de uma simulação. Quem investiu o valor de um carro popular hoje já é milionário. Agora, em 2020, nada impede que esse movimento seja ainda maior para aqueles que possuírem os papéis certos. Já que estamos vindo de uma crise que foi bem mais devastadora do que as últimas duas. Logo, é de se esperar que sua retomada seja proporcional aos danos deixados.

As maiores fortunas do mundo começaram a fazer as contas e perceberam que a pandemia do coronavírus deixou muitos ativos brasileiro em preço de liquidação. E os resultados já estão sendo colhidos por todos aqueles que estão posicionados nos papéis certos.

QUERO SABER DAS AÇÕES QUE PODEM SE SUPERMULTIPLICAR COM O INVESTIMENTO ESTRANGEIRO

12% em 24 horas e 100% em 6 meses… o movimento já começou, vai ficar de fora?

Para que se tenha ideia, apenas uma ação da carteira do Max, do setor de shopping – diretamente ligada à reabertura da economia  – subiu incríveis 12% em apenas 24 horas.

Fonte: Trading View

E ela não foi a única. Tudo indica que se trata de um movimento coordenado de ações específicas ligadas à reabertura da economia. Veja o que aconteceu com outros 3 casos. Apenas em 2021 as ações da:

  • Embraer: 98,31% de lucro em 2021 (produtora de aviões – ganha com a reabertura);
  • Banco inter: 93,40% de lucro no ano (banco – ganha com o reaquecimento das transações comerciais)
  • Cia. Hering: 93,40% de retorno em 6 meses (varejo de moda – aumenta as vendas com a reabertura das lojas)

A tendência é que, quanto mais próximos chegarmos a 50% da população vacinada, maior sejam esses ganhos.

“Nos atuais valores, já estamos em um ponto extremamente atrativo, com algumas oportunidades sérias de multiplicação de valor e algumas ações a preço de liquidação. Quando elas se revertem, o que a gente costuma ver é uma alta de 30% a 40% em um mês. Não dá tempo de comprar. O negócio rasga na sua cabeça antes de você sequer pensar em entrar. Então, se você ficar esperando pelas andorinhas, a primavera terá acabado”

JÁ TEM AÇÃO DOBRANDO – VEJA O NOME DAS PRÓXIMAS SUERMULTIPLICAÇÕES DA BOLSA

As ações que podem se multiplicar por 11 vezes

Como Max descreve, a boa notícia é que hoje as ações da retomada ainda estão sendo negociadas com descontos imperdíveis. Mas, com o dinheiro gringo entrando e com o acelero no processo de vacinação, a tendencia é que a cada dia que passe o prêmio por cada um desses papéis diminua consideravelmente.

A melhor parte é que, como dito anteriormente, os interessados em saber o nome dos papéis que podem se multiplicar por 11 vezes ou mais não pagarão nada inicialmente. Pois Max acabou de liberar um vídeo 100% online e 100% gratuito que foi ao ar hoje, dia 14 de junho.

Para ver o vídeo gratuito de Max e saber o nome desses papéis, basta clicar aqui e fazer. Lembrando que o vídeo é gratuito. Você não paga um centavo para vê-lo:

“Essa pode ser a maior oportunidade para fazer fortuna com ações dos últimos 6 anos. Acredito que ninguém quer ficar de fora do que está para acontecer nos próximos dias”

VEJA O NOME DAS AÇÕES DA RETOMADA – AS MAIORES SUPERMULTIPLICAÇÕES DA BOLSA