Conteúdo Vitreo

Revelada hoje: gestora de R$ 12 bilhões abre a ação de tecnologia que pode explodir e se tornar gigante como Google, Apple ou Amazon

Companhia tem as maiores empresas do planeta como clientes e está num estágio que precede grande valorização, segundo analistas (Imagem: geralt / Pixabay)

Após algumas semanas de grande curiosidade, a plataforma de investimentos Vitreo revela nesta quarta-feira qual é a empresa de tecnologia que pode se tornar uma big tech e apresentar grande valorização em breve.

A expectativa era enorme porque, de acordo com os profissionais da Vitreo, a ação representa uma oportunidade única para a obtenção de lucros. Basicamente, esse otimismo ocorre por dois motivos:

  • A empresa hoje é fornecedora de um serviço essencial para as maiores companhias do planeta, como Amazon, Unilever, Dell, Starbucks, Morgan Stanley, etc. Além disso, não possui nenhum concorrente à altura;
  • O gráfico de evolução de ação mostra que a empresa está no mesmo patamar que antecedeu valorizações exponenciais (até 1.750%) de gigantes da tecnologia, como Apple, Google e Amazon.

Ou seja, trata-se aqui da oportunidade de investir na empresa que pode se tornar tão relevante quanto as gigantes tecnológicas americanas (Big Techs), como Facebook e as citadas anteriormente.

CLIQUE AQUI PARA SABER QUAL É A AÇÃO QUE PODE SE TORNAR A PRÓXIMA BIG TECH

Empresa está num patamar que indica alta exponencial; no passado, ações similares subiram até 1.750%

Uma das grandes esperanças dos analistas da Vitreo para a ação é a similaridade da sua curva de evolução em relação a empresas que se valorizaram exponencialmente no passado – e hoje são as corporações mais valiosas do planeta.

Nos gráficos abaixo, você pode observar a rentabilidade de empresas que hoje são consideradas Big Techs quando estavam no mesmo estágio de desenvolvimento que a companhia revelada hoje:

  • Apple: + 1.750%

  • Google: + 739%

  • Amazon: + 530%

Imagine poder investir em gigantes da tecnologia na década de 1990 ou no início dos anos 2000? Essas companhias ainda não haviam exibido todo seu potencial e, portanto, estavam muito baratas diante de tudo que poderiam oferecer – e ofereceram. 

A chance apresentada agora é similar a essa: comprar uma futura Big Tech ainda não detectada pelo mercado.

CONHEÇA A AÇÃO DE TECNOLOGIA QUE ESTÁ EM PONTO DE BALA PARA DECOLAR [ACESSO IMEDIATO]

As maiores empresas do planeta são clientes desta companhia

Além do estágio de valorização da ação, a Big Tech dos Bastidores apresenta grande potencial por conta das peculiaridades de seu negócio. Afinal, ela fornece softwares de inteligência de negócio e relacionamento com o consumidor, áreas vitais para empresas que atuam em um ambiente globalizado.

E ninguém faz isso como ela. Por isso, a companhia é fornecedora das maiores empresas do mundo, como Amazon e IBM, e não tem nenhum concorrente à altura. Em outras palavras, tem as maiores corporações do planeta “na mão”.

E quem não gostaria de ter a solidez de gigantes que valem até trilhões de dólares como clientes por trás de seu negócio?

Vitreo prepara alternativa para quem deseja investir na Big Tech dos Bastidores sem precisar abrir conta no exterior ou mexer com câmbio

Diante de um potencial absurdo de valorização como esse, a Vitreo, por meio de seus gestores, decidiu facilitar o caminho para o investidor ter acesso a essa ação.

Como ela pertence a uma empresa americana, a compra direta da ação é algo que envolve uma série de burocracias. Entretanto, a Vitreo está inserindo a companhia no portfólio do seu prestigiado fundo Tech Select, um dos mais concorridos do mercado e que rendeu 66% desde junho de 2020.

Investindo no Tech Select, você:

  • Não precisa abrir conta no exterior;
  • Não precisa ter dólar ou se preocupar com câmbio;
  • Declara seu Imposto de Renda da mesma maneira como faz com um fundo comum;
  • Conta com gestão profissional e não precisa se preocupar com a hora de comprar e vender;
  • Tem acesso a produtos sofisticados a partir de R$ 100.

A seleção já conta com ações mais perenes no mundo da tecnologia, como Apple, Facebook, Google, Amazon, Microsoft e Netflix, mas está sempre capturando apostas que podem impulsionar sua lucratividade.

No ano passado, por exemplo, o Jojo Waschmann, gestor principal do fundo, colocou as ações de Square na carteira e entregou ganhos de 84% com elas.

Neste caso, a Big Tech dos Bastidores é mais do que uma mera aposta: é uma convicção da equipe diante do vasto horizonte que se abre. Após saber qual é essa ação e entender melhor sobre seu potencial, uma boa maneira de fazê-lo é entrar por meio do Tech Select.

Sem mais delongas, clique no botão abaixo para acessar agora qual é a ação de tecnologia que pode, em breve, estar no grupo de empresas mais valiosas do mundo.

[REVELAR AGORA] CLIQUE PARA ACESSAR A BIG TECH DOS BASTIDORES