Conteúdo Empiricus

Oportunidade de ‘lucro em dobro’ com Banco do Brasil: as ações BBAS3 valem a pena, mas se você quer buscar lucros acima da média siga essa recomendação

13/05/2022 - 19:00
bb
O Banco do Brasil reportou lucro recorde e dividendos “gordos” no 1º trimestre de 2022, mas se você quer buscar ganhar muito dinheiro na bolsa este ano, deveria seguir a estratégia deste analista. (Imagem: Shutterstock/Montagem Julia Shikota).

Nesta quarta-feira (11), foi a vez do Banco do Brasil (BBAS3) divulgar os resultados referentes ao 1º trimestre de 2022. O “bancão” registrou lucro líquido ajustado recorde de R$ 6,6 bilhões, um desempenho 34% superior em relação ao mesmo período de 2021.

E o aumento no lucro se refletiu diretamente na alta da rentabilidade sobre o patrimônio líquido, que foi de 15% para 17,6%, também na comparação com o 1º trimestre do ano anterior.

Mas o que realmente deixou os investidores animados foram os dividendos anunciados. De acordo com o comunicado, o banco fará o pagamento de R$ 1,9 bilhões em proventos aos seus acionistas. 

Os proventos serão pagos no dia 31 de maio e terão direito aqueles que se tornarem acionistas da empresa até o próximo dia 23. O pagamento será dividido entre dividendos e Juros Sobre Capital Próprio (JCP), que devem totalizar cerca de R$ 0,66 por ação.

E então, é hora de investir no Banco do Brasil?

A resposta mais curta é que sim, as ações BBAS3 estão valendo a pena, sobretudo para investidores que buscam por empresas sólidas e defensivas com o cenário de juros altos. E quem está dizendo isso não sou eu, mas sim Felipe Miranda, co-CEO da Empiricus, a maior casa de análise financeira independente do país:

“A compra de Banco do Brasil é um movimento defensivo, baseado principalmente no seu valuation atrativo. O banco negocia a 4,2 vezes seu lucro projetado para 2022, versus uma média de 6,6 vezes para seus pares brasileiros. Ou seja, ele é, de longe, o mais barato entre seus pares – explica Felipe Miranda, co-CEO da Empiricus

No entanto, o estrategista alerta que somente o investimento nas ações do Banco do Brasil pode não ser o mais inteligente a fazer neste momento. Ao invés disso, ele recomenda que você faça uma operação de long & short no setor bancário.

Trata-se de uma operação combinada que assume duas posições diferentes: uma de compra (long) e outra de venda (short) em determinados papéis. Dessa maneira, o objetivo é obter ganhos tanto com a queda como com a alta dos ativos.

Essa recomendação foi feita em 19 de janeiro deste ano e quem seguiu à risca pôde capturar mais de 65% de lucro. Mas, na visão do analista, ainda há espaço para uma potencial nova onda de lucros, sobretudo com um evento que acontecerá no dia 17 de maio.

Por isso, eu sugiro que você entenda o que está no radar de Felipe Miranda antes de sair comprando as ações do Banco do Brasil. A seguir, explico melhor a estratégia ousada do analista para buscar lucros no atual cenário macroeconômico:

‘Se você quer chegar onde a maioria não chega, faça aquilo que a maioria não faz’

Se você quer chegar onde a maioria não chega, faça aquilo que a maioria não faz”. Essa é uma frase proferida por Bill Gates, bilionário e fundador da Microsoft, e que se aplica perfeitamente ao que Felipe Miranda visa em suas recomendações.

Veja: se você quer ter a chance de ganhar dinheiro de verdade investindo, precisa se expor a teses que, em um primeiro momento, soam ousadas. Isso porque é praticamente impossível bater as médias do mercado se você segue a “manada”.

E talvez uma das melhores oportunidades para fugir do senso comum este ano seja a tese recém-lançada pelo co-CEO da Empiricus. Em seus vários anos de atuação no mercado financeiro, Felipe Miranda sagrou-se como um expert que sabe como encontrar chances de fazer muito dinheiro na bolsa.

Uma dessas “tacadas certeiras” foi quando o analista antecipou a queda das ações da Petrobras, em 2014. Quase que como prevendo o descalabro econômico que aconteceria com a petroleira, com a Lava Jato e o Petrolão, ele recomendou vender PETR4 e comprar dólar a R$ 1,90, acreditando que a moeda poderia chegar aos R$ 4.

Tanto Felipe quanto o nome da Empiricus foram massacrados na internet durante 2014 inteiro devido a essas indicações. Mas sabe o que aconteceu um ano depois, em 2015? O dólar alcançou os R$ 4 e dobrou o dinheiro de quem investiu quando o analista recomendou a compra. Foi uma valorização de 123% em questão de meses

É claro que oportunidades como essas não acontecem a todo momento, e retornos passados não são garantia de lucros futuros. No entanto, hoje estou aqui para lhe dizer que Felipe Miranda está com mais uma dessas ideias “fora da caixa” para buscar capturar lucros na bolsa.

Como dito anteriormente, Miranda está apostando na compra das ações do Banco do Brasil, combinada com a venda dos papéis de uma outra instituição financeira brasileira. Essa recomendação já rendeu valorização para quem a seguiu, mas o analista acredita que ainda há espaço para mais.

Em um relatório gratuito, ele deu as coordenadas de como colocar essa operação em prática. Lá, ele explica por que fazer o long & short é mais interessante do que somente colocar o seu dinheiro em ações BBAS3. 

Para acessar o relatório sem nenhum tipo de custo, basta inserir um e-mail válido na página abaixo e recebê-lo na sua caixa de entrada:

RELATÓRIO GRATUITO – VEJA O PASSO A PASSO DA OPERAÇÃO DE LONG E SHORT RECOMENDADA POR FELIPE MIRANDA

Essa estratégia já rendeu +65%, mas ainda há espaço para buscar lucros para quem se posicionar até 17 de maio

Embora a estratégia de Miranda já tenha sido bem sucedida até o momento, o analista enxerga que ainda há mais oportunidades de lucros pela frente. Isso porque um evento que acontecerá no dia 17 de maio pode dar um “gás” na operação de long e short.

Neste dia, as ações do banco em que o analista recomendou posição vendida podem sofrer uma forte pressão vendedora. Na prática, isso significa que os papéis podem ter um movimento de queda forte, contribuindo para que os investidores que estiverem devidamente posicionados possam lucrar ainda mais.

Veja: você tem a opção de fechar esse texto agora, ir até o homebroker e colocar um pouco de dinheiro nas ações do Banco do Brasil. Felipe Miranda vê potencial nos papéis, avalia que são resilientes à crise pela qual estamos passando e que, além de tudo, estão baratas.

Mas saiba que você poderá estar deixando dinheiro na mesa se optar seguir por esse caminho. Isso porque o que eu estou te contando aqui é uma oportunidade de buscar um percentual de valorização ainda maior com uma operação combinada de compra e venda.

Só para você ter uma ideia, os papéis BBAS3 valorizaram 13% entre janeiro e maio, até o último fechamento do mercado. O que sem dúvida é um número positivo levando em conta o período de tempo.

Agora, com a operação combinada de Miranda, houve 65% de valorização neste mesmo período. Acho que eu nem preciso perguntar qual dessas oportunidades você preferia ter surfado, certo?

Dito isso, você está tendo a chance de se posicionar para a potencial nova “porrada” de lucros que pode ocorrer após o dia 17 de maio. Para saber como colocar essa operação em prática, basta acessar o relatório gratuito de Miranda e seguir as instruções:

RELATÓRIO GRATUITO – VEJA O PASSO A PASSO DA OPERAÇÃO DE LONG E SHORT RECOMENDADA POR FELIPE MIRANDA

Operação com oportunidade de ‘lucro em dobro’: veja como buscar ganhos com a alta das ações BBAS3 e queda de um outro banco brasileiro

Em um cenário em que vários ativos estão andando de lado e o Ibovespa, principal índice de referência da bolsa brasileira, rendeu apenas 1,8% desde o início do ano, Miranda encontrou uma oportunidade “de ouro” para buscar fazer dinheiro com renda variável.

E, para a sua sorte, o analista resolveu divulgar essa oportunidade sem pedir nenhum centavo em troca. Neste relatório gratuito, ele compartilhou as expectativas para o Banco do Brasil nos próximos meses e deu as instruções para que você possa fazer a operação que busca “lucro em dobro”.

Pode ficar despreocupado caso você nunca tenha feito nada parecido antes. Pois, embora alguns financistas digam que operações de long e short são um tipo de investimento sofisticado e demasiado arriscado para os investidores comuns, Miranda acha justamente o contrário.

Ele acredita que, com as instruções certas, qualquer pessoa pode aplicá-la e buscar lucros, independentemente do nível de conhecimento em finanças.

Portanto, se você estiver interessado em fugir do senso comum e investir como fazem os grandes, sugiro que acesse o relatório completo e gratuito escrito por Felipe Miranda. É só clicar no botão abaixo e inserir um e-mail válido:

RELATÓRIO GRATUITO – VEJA O PASSO A PASSO DA OPERAÇÃO DE LONG E SHORT RECOMENDADA POR FELIPE MIRANDA