Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

CPFL irá deslistar ações na Nyse

19/12/2019 - 9:07
A companhia notificou o Citibank, que é depositário das ADSs da empresa, sobre a rescisão do contrato de depósito, esperada para 27 de janeiro de 2020 (Imagem: Wikimedia Commons)

A CPFL Energia (CPFE3) informou ontem (18) que tem intenção de deslistar suas American Depositary Shares (ADSs) da Nyse.

Segundo a companhia, “o racional econômico para manter uma listagem na Bolsa de Nova York diminuiu devido, em parte, a: (i) aumentos no volume negociado de ações brasileiras na B3 (B3SA3) por investidores estrangeiros, devido à internacionalização do mercado financeiro e de capitais brasileiro, além do estreitamento da distância entre os padrões de divulgação do Brasil e dos Estados Unidos com relação a reportes financeiros; e (ii) uma tendência decrescente nos últimos anos no volume de negociação das ADSs da companhia da Nyse”.

A companhia notificou o Citibank, que é depositário das ADSs da empresa, sobre a rescisão do contrato de depósito, esperada para 27 de janeiro de 2020.

Todos os detentores de ADSs devem ser notificados ao menos 30 dias antes do prazo. Eles terão direito a receber as ações ordinárias subjacentes da companhia.

Após a data de rescisão, o Citibank pode alienar as ações ordinárias subjacentes e deter os recursos líquidos não investidos para entregar a um detentor de ADSs.

A CPFL espera que a Bolsa de Nova York suspenda a negociação dos papéis e protocole um Form 25 perante a U.S. Securities and Exchange Commission dos Estados Unidos (SEC). A deslistagem se tornará efetiva 10 dias após o protocolo.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Última atualização por Diana Cheng - 19/12/2019 - 9:07