Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Cristofobia, hidroxicloroquina e queimadas: leia a íntegra do discurso de Bolsonaro na ONU

22/09/2020 - 11:39
Bolsonaro ONU 22 setembro 2020
Cruzada: para Bolsonaro, Brasil é um país cristão, perseguido por sua riqueza (Imagem: Reprodução/ ONU)

O presidente Jair Bolsonaro aproveitou seu pronunciamento, na abertura da 75ª assembleia geral da ONU, para reafirmar argumentos já conhecidos no Brasil, além de lançar bandeiras às outras nações. Bolsonaro atacou a imagem negativa do país, e a atribuiu a “uma das mais brutais campanhas de desinformação sobre a Amazônia e o Pantanal.”

Segundo o presidente, a riqueza da Amazônia desperta interesses internacionais “escusos” que, aliados a organizações brasileiras “impatrióticas”, desejam “prejudicar o governo e o próprio Brasil.”

Bolsonaro insistiu, também, que a projeção do Brasil no agronegócio explica “tanto interesse em propagar desinformações sobre o nosso meio ambiente“.

Passando ao largo do tema deste ano da assembleia, que é a promoção do multilateralismo, o presidente lançou um “apelo a toda a comunidade internacional pela liberdade religiosa e pelo combate à cristofobia”, e encerrou sua participação afirmando que “o Brasil é um país conservador e cristão.”

Veja a íntegra do discurso de Bolsonaro na assembleia geral da ONU:

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Lucas Simões - 22/09/2020 - 12:38