Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Dafiti inaugura centro logístico automatizado em MG para acelerar entregas

11/02/2021 - 8:54
Com uma área de 54 mil metros quadrados e um investimento de 320 milhões de reais, o centro tem capacidade para separar 5 mil produtos por hora (Imagem: Facebook/Dafiti)

A plataforma de comércio eletrônico de moda Dafiti inaugura nesta quinta-feira, em Extrema (MG), seu maior centro de distribuição na América Latina, enquanto busca capitalizar a migração das vendas para a internet após a pandemia de Covid-19 para reduzir prazos de entrega e ampliar sua fatia de mercado.

Com uma área de 54 mil metros quadrados e um investimento de 320 milhões de reais, o centro tem capacidade para separar 5 mil produtos por hora, o que reduz o tempo de separação dos produtos de 24 para duas horas.

“O cliente quer mais velocidade e assertividade nas entregas”, afirmou o presidente-executivo e cofundador da Dafiti, Philipp Povel.

A unidade vai absorver as operações logísticas da companhia que já existiam na cidade e também incorporar as de outra na Grande São Paulo, que está sendo desativada. A estratégia vai reduzir de cinco para quatro o número desses centros da empresa na América Latina.

Povel afirmou que o projeto já vinha sendo desenhado desde 2018, mas ganhou maior importância no ano passado diante da pandemia, cujos efeitos econômicos e medidas de isolamento social fizeram do setor de moda uma das principais vítimas.

Segundo a Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção (Abit), as vendas de vestuário tiveram queda de cerca de 20% no ano passado.

Por outro lado, disse Povel, a Dafiti ganhou entre 1 e 2 pontos percentuais em participação de mercado, acompanhando a tendência do público comprar mais por canais online.

Segundo ele, essa será uma oportunidade que a empresa buscará aproveitar para ganhar mercado, já que as compras digitais respondem apenas por 4% das vendas de moda no país.

Criada em 2011, a Dafiti se apresenta como o maior grupo de comércio eletrônico de moda da América Latina, com cerca de 7,7 milhões de clientes servidos a partir de unidades também na Argentina, no Chile e na Colômbia.

A companhia é controlada pelo Global Fashion Group, holding com participações em sites de moda em países emergentes e listada na bolsa de Frankfurt.

Outras grandes empresas de comércio eletrônico também anunciaram investimentos vultosos nos últimos meses para dar conta do salto da demanda diante dos efeitos da pandemia.

O Mercado Livre, maior portal de comércio eletrônico da América Latina, anunciou em novembro a abertura de cinco novos centros logísticos no Brasil, dobrando a capacidade logística no país.

E a gigante norte-americana Amazon anunciou a abertura de três novos centros logísticos, na maior expansão logística da companhia desde que chegou ao Brasil em 2012.

No caso da Dafiti, a concentração de operações no novo centro em Extrema também envolveu cálculos de ganhos fiscais, embora Povel tenha declinado de mencionar detalhes.

(Atualizada às 10h19)

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Rafael Borges - 11/02/2021 - 10:19

Cotações Crypto
Pela Web