Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Dasa: criação de ecossistema de saúde abre espaço para ação subir 39%

20/05/2021 - 15:53
DASA
Transformação: Dasa migra de maior laboratório de diagnósticos do país para um dos maiores grupos de saúde (Imagem: Facebook/ DASA)

A Ágora Investimentos iniciou a cobertura da Dasa (DASA3) com recomendação de compra e preço-alvo de R$ 80. O valor embute uma alta potencial de 39% sobre os R$ 52,50 com que o papel fechou ontem (19).

Fred Mendes e José Cataldo, que assinam o relatório da gestora, explicam que a Dasa, que já ostenta o posto de maior grupo de diagnósticos do Brasil, está investindo para criar um verdadeiro ecossistema de saúde.

A maior parte dos recursos é canalizada para os hospitais, com o objetivo de atingir 5,4 mil leitos até 2025, ante os 1,9 mil com que a empresa encerrou 2020. “O ecossistema de saúde deve trazer um benefício de MLR (sinistralidade médica) de 15% -20%, compartilhado entre as seguradoras de saúde e a Dasa”, afirmam os analistas.

Eles lembram que, após o follow-on (oferta subsequente de ações) realizado em abril e que captou R$ 3,3 bilhões, a Dasa tem munição para sustentar uma estratégia saudável de expansão de sua rede hospitalar por meio de fusões e aquisições.

Novos pesos

“Isso deve mudar a estrutura de negócios da empresa, de 1/3 hospital e 2/3 diagnósticos, a 2/3 hospital e 1/3 diagnósticos em termos de faturamento até 2030”, acrescenta a Ágora. Ao integrar diagnóstico e atendimento hospitalar, a Dasa poderá, ainda, reduzir sua taxa de sinistros, uma das principais pressões inflacionárias do setor de saúde.

“Com estas mudanças estruturais, vemos a Dasa alcançando margens de ebitda de aproximadamente 29% em 2025, contra cerca de 23% atualmente, devido à maior margem de serviços prestados pela empresa de cuidados coordenados da Dasa”, afirma a Ágora.

Os analistas observam, ainda, que o segmento de cuidados primários caminha para uma integração eficiente entre hospitais e laboratórios de diagnósticos. “Vemos Dasa como um dos players que deve liderar esta mudança estrutural neste segmento tão importante, dada a sua presença dominante em diagnósticos e seu negócio hospitalar de rápido crescimento.”

Além do modelo de negócios, a Ágora destaca os pontos positivos do valuation da companhia, quando comparada com seus pares. A gestora aposta numa rápida diluição dos múltiplos. O principal indicador usado pela Ágora é o índice PEG, que compara o P/L de um papel com a expectativa de crescimento dos lucros nos anos seguintes.

O PEG da Dasa, para os próximos três anos, é de 0,5 vez, considerado “atraente” pelos analistas, diante do 1,7 vez da Hapvida (HAPV3), 1,8 vez do Grupo NotreDame Intermédica (GNDI3) e 1,2 vez da Rede D’Or (RDOR3).

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Márcio Juliboni - 20/05/2021 - 15:54

Pela Web