Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Dois IPOs recentes estão entre as ações favoritas dos investidores em janeiro; confira ranking

19/02/2021 - 14:02
Itaú Unibanco ITUB4
Os investidores escolheram para as suas carteiras, em janeiro, principalmente as ações de companhias produtoras de commodities e de bancos (Imagem: Reuters/Sergio Moraes)

No primeiro mês de 2021, dois IPOs recentes – Neogrid (NGRD3) e Méliuz (CASH3) apareceram no ranking das 10 ações preferidas.

Mas os investidores escolheram para as suas carteiras, em janeiro, principalmente as ações de companhias produtoras de commodities e de bancos.

É o que revela o estudo Big Data Smartbrain, com base nos dados da plataforma de consolidação de investimentos, onde são processados diariamente 210 mil extratos de investimentos que totalizam mais de R$ 120 bilhões de patrimônio.

Lembrando que o ano começou bem para a Bolsa brasileira, seguindo o movimento de dezembro, diante da comprovação da eficácia de vacinas contra a Covid-19, início da vacinação em alguns países e por conta do fluxo de estrangeiros em busca de oportunidades.

Na primeira semana de janeiro, o Ibovespa chegou a subir 5%, mas depois a situação se reverteu e o índice fechou o mês com uma queda de 3,32% aos 115 mil pontos. Isso porque os números de casos confirmados e mortes por Covid aumentaram por aqui e o país ainda detectou uma nova variante do coronavírus mais contagiosa, o que levou a medidas mais restritivas de atividades e circulação de pessoas em diversas regiões.

Outro ponto foi a baixa oferta de doses de vacinas e o ritmo lento da imunização no Brasil, sinalizando mais dificuldade para a retomada da economia, bem como a eleição para presidência da Câmara e Senado, que trouxe algumas incertezas políticas e a preocupação com a dinâmica da dívida pública.

Quanto ao exterior, o fato mais comentado foi nos Estados Unidos –  o short squeeze com ações da rede varejista de vídeo games GameStop, um movimento orquestrado por pequenos investidores no fórum Reddit, que causou perdas para fundos e investidores em Wall Street.

Ranking das ações queridinhas de janeiro de 2021

Ação Rent. Janeiro Rent. 12 meses Rent. 24 meses Rent. 36 meses
1 VALE3 0,57% 81,78% 105,34% 133,27%
2 ITUB4 -10,22% -10,36% -18,32% -3,34%
3 BBAS3 -12,73% -27,87% -29,45% -4,47%
4 PETR4 -5,82% -6,19% 7,30% 44,31%
5 SAPR11 -14,79% -33,55% -4,86% 27,85%
6 B3SA3 -2,67% 29,13% 102,99% 146,01%
7 ITSA4 -9,40% -13,38% -9,89% 9,50%
8 NGRD3 26,43% Início em 17/12/2020 Início em 17/12/2020 Início em 17/12/2020
9 BBDC4 -8,79% -15,03% -21,90% -1,82%
10 CASH3 83,88% Início em 5/11/2020 Início em 5/11/2020 Início em 5/11/2020

(Fonte: Big Data SmartBrain)

A Vale (VALE3) continuou no primeiro lugar na lista das ações favoritas. A mineradora vem apresentando bons resultados, com eficiência operacional e baixo endividamento.

Outros fatores que beneficiam a companhia são a alta do preço do minério de ferro, a evolução das compras da China e de outros mercados importantes e, ainda, o patamar atual da cotação do dólar que favorece as suas exportações. De acordo com analistas, nesse ritmo, a companhia tende a ser boa pagadora de dividendos.

Também na área de commodities, a Petrobras (PETR4) caiu da primeira para a quarta posição no ranking de preferência. A companhia tem custos de produção competitivos e está se concentrando nas áreas de extração de petróleo e gás, saindo dos ativos de refino. Outro fator é a alta do preço do petróleo em função da diminuição da oferta mundial.

Dois IPOs recentes foram bastante procurados em janeiro, estreando entre as Top 10 ações queridinhas: Neogrid e Méliuz.

Neogrid
A Neogrid, conforme analistas, tem potencial para aumentar a receita captando mais clientes como varejistas e distribuidoras (Imagem: YouTube/Neogrid)

A Neogrid, companhia de software e soluções para a gestão automática da cadeia de suprimentos, conforme analistas, tem potencial para aumentar a receita captando mais clientes como varejistas e distribuidoras, e ainda com a possibilidade de avançar em serviços financeiros. Em dezembro, a Neogrid captou R$ 486,5 milhões em sua abertura de capital. No mês passado, suas ações valorizaram 26,4%.

Já a Méliuz, especializada em cupons de descontos e cashback, que possui parcerias com mais de 800 companhias como Netshoes, Submarino, Magazine Luiza, iFood e Casas Bahia, realizou seu IPO em novembro do ano passado, levantando R$ 583,4 milhões, com o intuito de colocar em prática seu plano de expansão, muito focado em novas soluções financeiras. Para analistas e agentes de mercado, o segmento da Méliuz é promissor diante do avanço da penetração do e-commerce no país e do movimento de digitalização dos negócios. Em janeiro, as ações da Méliuz subiram 83,9%.

Outra novidade foi a entrada da Sanepar – Companhia de Saneamento do Paraná (SAPR11). De forma geral, a ação foi recomendada pois apesar da crise hídrica no estado do Paraná e de seu impacto nos resultados operacionais no curto prazo, o novo marco legal do saneamento abriu possibilidades de investimentos e mais receitas olhando para o longo prazo.

O mês de janeiro foi marcado ainda pelas compras de ações de grandes bancosItaú (ITUB4) voltou para o ranking e prosseguiram na lista, Banco do Brasil (BBAS3) e Bradesco (BBDC4). Com o impacto da crise da Covid-19 e a necessidade de aumentar as provisões para devedores duvidosos, as ações das instituições vieram underperformando. E mesmo mais recentemente, diante de um cenário melhor e uma certa redução dessas provisões por conta da queda da inadimplência, na visão dos analistas, as ações dos bancos permaneceram muito descontadas. Vale destacar ainda que as ações da Itaúsa (ITSA4), holding que controla o Itaú, retornaram ao ranking de preferência dos investidores.

Por sua vez, as ações da B3 (B3SA3) passaram da quarta para a sexta posição. Com a taxa de juros em menor patamar, há um fluxo crescente de investidores para a Bolsa. Além do mais, a oferta de ativos negociados vem aumentando – IPOs e novos fundos imobiliários, ETFs e BDRs.

Deixaram a relação das Top 10 favoritas, as varejistas Magazine Luiza (MGLU3), Lojas Americanas (LAME4) e Lojas Renner (LREN3). Também saíram do ranking a Cogna (COGN3), companhia do setor de educação, e Hapvida (HAPV3), grupo operador de planos de saúde.

Agora, veja os fundos de ações mais escolhidos no começo do ano.

Ranking dos fundos de ações favoritos em janeiro de 2021

Fundo Gestor Rent. Janeiro Rent. 12 meses Rent. 24 meses Rent. 36 meses
1 INDIE FIC FIA INDIE CAPITAL -0,12% 5,10% 52,87% 77,83%
2 ARX INCOME FC FIA ARX INVESTIMENTOS -3,10% -0,38% 22,80% 56,19%
3 MOAT CAPITAL FIC FIA MOAT CAPITAL -6,26% 2,03% 29,62% 73,64%
4 KAPITALO TARKUS FIC FIA KAPITALO -2,17% -1,47% 22,19% 71,03%
5 BRASIL CAPITAL 30 FIC FIA BRASIL CAPITAL 0,47% -0,78% 36,93% 66,95%
6 ALASKA BLACK INSTITUCIONAL FIA ALASKA INVESTIMENTOS -1,64% -7,54% 12,86% 54,19%
7 BTG PACTUAL ABSOLUTO LS FIC FIA BTG PACTUAL -0,06% 8,12% 24,27% 41,51%
8 BTG PACTUAL ABSOLUTO FIC FIA BTG PACTUAL 0,23% 17,34% 51% 80,46%
9 IP VALUE HEDGE FIC FIA BDR NÍVEL I IP CAPITAL PARTNERS -0,65% 13,49% 28,43% 36,11%
10 AZ QUEST AÇÕES FIC FIA AZ QUEST INVESTIMENTOS -2,64% -9,84% 12,05% 33,40%

(Fonte: Big Data Smartbrain /Obs.: Todos os fundos de investimentos apresentados no estudo são abertos. Foram excluídos do levantamento os fundos exclusivos e os dedicados a determinados grupos e family offices)

Entre os fundos de ações, foram poucas mudanças de dezembro para janeiro. Oito prosseguiram no ranking de preferência do Big Data Smartbrain.

O Indie FIC FIA, o ARX Income FC FIA e o Moat Capital FIC FIA permaneceram, respectivamente, em primeiro, segundo e terceiro lugar.

Os novos na lista foram o Kapitalo Tarkus FIC FIA  e o BTG Pactual Absoluto FIC FIA.

O mês de janeiro foi desafiador para os gestores. Somente dois fundos dos Top 10 favoritos tiveram desempenhos positivos, o Brasil Capital 30 FIC FIA (0,47%) e o BTG Pactual Absoluto FIC FIA (0,23%).

Deixaram o ranking o Equitas Selection FIC FIA e o AZ Quest Top Long Biased FIC FIA.

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Gustavo Kahil - 19/02/2021 - 15:04

Pela Web