Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Dólar tem queda ante real de olho em relações EUA-China e dados domésticos

16/11/2021 - 9:21
Dólar
Às 10:31, o dólar recuava 0,18%, a 5,4467 reais na venda (Imagem: Pixabay/Engin_Akyurt)

O dólar caía frente ao real nesta terça-feira, volta de feriado para os mercados nacionais, ficando em linha com o desempenho da divisa norte-americana no exterior após notícias de conversas entre os líderes das duas maiores economias do mundo, Estados Unidos e China.

Os presidentes norte-americano, Joe Biden, e chinês, Xi Jinping, falaram virtualmente por três horas na segunda-feira. Embora não tenha rendido nenhum resultado imediato, o encontro virtual foi amplamente considerado como um esforço para evitar um confronto direto entre as duas potências.

Em relatório, analistas do Bradesco citaram nesta terça-feira “repercussão positiva” da notícia nos mercados internacionais, com a conversa entre Xi e Biden trazendo “um cenário mais favorável para a relação dos dois países”.

Os participantes do mercado costumam observar de perto as relações entre as duas maiores economias do mundo, uma vez que aumento das tensões e consequentes imposições de sanções econômicas ou tarifas retaliatórias poderiam afetar negativamente o comércio global. A China é a maior parceira comercial do Brasil.

Às 10:31, o dólar recuava 0,18%, a 5,4467 reais na venda. O dólar futuro de maior liquidez tinha queda de 0,38%, a 5,4565 reais.

No exterior, o índice do dólar contra uma cesta de moedas tinha estabilidade, embora continuasse em patamares elevados acima da marca de 95. Pares arriscados do real, como peso mexicano, rand sul-africano e dólar australiano tinham pouca alteração contra a divisa dos EUA nesta manhã.

Investidores também digeriam nesta terça-feira dados que mostraram que o Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br), sinalizador do Produto Interno Bruto (PIB), registrou queda de 0,27% em setembro em relação a agosto.

O resultado ficou em linha com a expectativa em pesquisa da Reuters, de queda de 0,30%, e fez o índice fechar o terceiro trimestre com contração de 0,14% na comparação com os três meses anteriores.

A leitura divulgada pelo BC vem depois de uma pesquisa semanal com cerca de 100 instituições financeiras mostrar nova piora nas expectativas do mercado para o crescimento econômico neste ano e no próximo. Para 2022, especialistas esperam agora expansão abaixo de 1%.

Isso, segundo o Bradesco, pode ter impacto nos preços dos ativos locais nesta terça-feira.

Além de dados econômicos domésticos, investidores devem seguir “acompanhando de perto a questão (da PEC) dos Precatórios e seu desfecho nesta segunda quinzena do mês”, disseram em nota analistas da Levante Investimentos.

Embora a PEC não seja vista como positiva para a credibilidade do Brasil, uma vez que o texto prevê a alteração de regras do teto de gastos, muitos investidores passaram a enxergá-la como a melhor alternativa disponível para o governo financiar benefícios sociais de 400 reais por família em 2022, ano eleitoral.

(Atualizada às 10:35)

Última atualização por Rafael Borges - 16/11/2021 - 10:35

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto
Pela Web