Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Dona da Tok&Stok pede registro para IPO

20/10/2020 - 21:07
Tok&Stok
Planos: aquisição e digitalização das operações na mira da Tok&Stok (Imagem: Divulgação/ Tok&Stok)

A empresa de móveis e acessórios de decoração para casa Estok, conhecida pela sua marca Tok&Stok, pediu nesta terça-feira registro para uma oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês).

A operação servirá para a companhia captar recursos, que pretende usar para investir em expansão, transformação digital, desenvolvimento de nova marca, além de aquisições e para melhorar estrutura de capital.

A transação, que será coordenada por Itaú BBA, Credit Suisse, Bank of America, Bradesco BBI, Santander (SANB11) e UBS-BB, também servirá para atuais acionistas da empresa, incluindo fundos geridos pelo Carlyle venderem fatias no negócio.

Criada há cerca de 40 anos e com foco nos públicos das classes A e B, a Tok&Stok tem atualmente 59 lojas.

No até setembro, a companhia teve receita líquida de 668 milhões de reais, queda de 23,4% ante mesma etapa de 2019, refletindo entre outros fatores os efeitos da pandemia da Covid-19. A margem Ebitda caiu de 15,7% para 5,9%.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Márcio Juliboni - 23/10/2020 - 14:42