Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Em novo relatório, Banco Central Europeu afirma que “precisamos estar prontos” para o euro digital

02/10/2020 - 8:50
Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento
O banco não tem planos de emitir um euro digital agora, mas quer estar preparado para quando a necessidade surgir (Imagem: Crypto Times)

Nesta sexta-feira (2), o Banco Central Europeu (BCE) publicou um grande relatório sobre o euro digital, afirmando que precisa se preparar para emitir uma criptomoeda se e quando for necessário.

O documento de 50 páginas, compilado pela Força-Tarefa de Alto Nível do Eurosistema sobre moedas digitais emitidas por banco central (CBDCs, na sigla em inglês) e aprovado pelo Conselho do BCE, afirma que o euro digital iria complementar o dinheiro em espécie, e não substituí-lo.

BCE disse não ter tomado uma decisão se irá emitir uma criptomoeda, mas “devemos estar preparados para a emissão caso surja a necessidade”.

O banco central identificou quatro possíveis cenários que requerem a emissão de uma moeda digital: uma crescente demanda para pagamentos eletrônicos, um “significativo” declínio no uso de dinheiro, o lançamento de meios privados e globais de pagamento e uma “ampla abordagem de CBDCs emitidas por bancos centrais estrangeiros”.

Christine Lagarde, presidente do ECB, disse que europeus estão cada vez mais recorrendo a opções digitais para gastos, poupança e investimentos. “Isso significa que devemos certificar que o euro se adequa à era digital. Devemos estar preparados para emitir um euro digital, caso surja a necessidade”.

Christine Lagarde
O BCE parece confiante em poder superar desafios para criar uma moeda digital (Imagem: Reuters/Francois Lenoir)

Um euro digital seria uma forma eletrônica de dinheiro de banco central acessível para todos os cidadãos e empresas, afirmou o BCE, acrescentando que iria melhorar sua experiência de pagamento.

Um euro digital centralizado ou descentralizado?

Em relação à abordagem técnica, o BCE disse que um euro digital “pode ser ou centralizado, em que todas as transações são gravadas no registro do banco central, ou possuir certas responsabilidades a usuários e/ou intermediários supervisionados”.

Mas a infraestrutura interna deve ser controlada pelo banco central, afirmou o BCE.

“Se precisamos ou não de um euro digital é uma pergunta fundamental e urgente, então o BCE e os bancos centrais nacionais da Zona do Euro o estão considerando em conjunto”, disse Fabio Panetta, membro do Comitê Executivo do BCE e presidente da força-tarefa de CBDCs.

O BCE parece confiante em poder superar desafios para criar uma moeda digital.

“Um euro digital iria preservar o bem público que o euro fornece aos cidadãos: acesso grátis a um meio de pagamento simples, universalmente aceito, livre de riscos e confiável. Também apresenta desafios mas, ao seguir as estratégias apropriadas no design do euro digital, o Eurosistema pode resolvê-los”, disse o banco central.

O banco central também enviou um pedido de registro de marca para o termo “euro digital” enquanto avalia seus benefícios e desafios.

Confira o “relatório sobre o euro digital” do BCE:

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
theblockcrypto.com © 2020 - The Block Crypto, Inc. All rights reserved. Todos os direitos reservados.

Última atualização por Daniela Pereira do Nascimento - 02/10/2020 - 8:53