Embarques de suínos em abril não batem recorde de março; preço do vivo salta 8,4%

Por Cepea
06/05/2021 - 15:26
Suínos Carnes Agronegócio
O Brasil exportou 87,3 mil toneladas de carne suína in natura em abril, volume 9,8% menor que o recorde atingido em março, conforme dados da Secex (Imagem: Unsplash/@bhris1017)

As exportações de carne suína seguem em ritmo aquecido, apesar da baixa em abril.

O cenário mantém os preços do animal vivo em alta na maior parte das regiões acompanhadas pelo Cepea, visto que frigoríficos brasileiros demandaram novos lotes de suínos para abate.

O suíno registrou média de R$ 7,25 por quilo na região SP-5 (Bragança Paulista, Campinas, Piracicaba, São Paulo e Sorocaba) em abril — 8,4% acima da observada em março.

Segundo dados da Secex, o Brasil exportou 87,3 mil toneladas de carne suína in natura em abril, volume 9,8% menor que o recorde atingido em março, mas 38,8% acima da quantidade de abril do ano passado.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado agro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Lucas Eurico Simões - 06/05/2021 - 15:28

Pela Web