Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Estados americanos intensificam investigação antitruste sobre Google

12/11/2019 - 16:23
Autoridades se reuniram em Denver com especialistas externos com o objetivo de compreender melhor os negócios do Google (Imagem: Krisztian Bocsi/Bloomberg)

Representantes de estados dos EUA que investigam o Google, controlado pela Alphabet, se reuniram na segunda-feira para analisar em detalhes questões de concorrência em torno do gigante de buscas, enquanto outra investigação para determinar se a empresa está violando as leis antitruste avança, segundo pessoas com conhecimento do assunto.

As autoridades se reuniram em Denver com especialistas externos com o objetivo de compreender melhor os negócios do Google e a dinâmica dos mercados em que atua, incluindo publicidade digital, disse uma das pessoas.

O encontro acontece dois meses depois de todos os estados americanos, exceto dois, terem aberto uma investigação antitruste contra o Google com um foco inicial nas práticas publicitárias, de acordo com uma demanda enviada à empresa. Os editores reclamam há muito tempo que o domínio do Google da tecnologia que exibe anúncios na Web prejudica a concorrência.

A reunião foi semelhante à realizada no mês passado em Nova York, onde autoridades estaduais se reuniram com especialistas para analisar o Facebook. O gigante de redes sociais está sendo investigado por 45 estados, Guam e o distrito de Columbia.

Um dos objetivos da reunião sobre o Google era ajudar as autoridades estaduais a se prepararem para uma investigação que, provavelmente, apresentaria questões desafiadoras da concorrência, disse uma das pessoas. Os estados também planejam traçar uma estratégia para dividir o volume de trabalho da investigação, disseram duas pessoas.

Entre os que assessoram os estados está Cristina Caffarra, economista da Charles River Associates. O Google se queixou sobre a assessoria de Caffarra para o estado por causa de seu trabalho anterior para rivais do Google, como News Corp., Microsoft e a Yandex, da Rússia.

Os estados estão investigando o Google paralelamente a uma investigação antitruste do Departamento de Justiça dos EUA sobre a empresa. O painel antitruste do Comitê Judiciário da Câmara também está conduzindo uma investigação sobre o Google e outras grandes empresas de tecnologia.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Leia mais sobre: Bloomberg, Empresas, EUA, Google, Tecnologia

Última atualização por Diana Cheng - 12/11/2019 - 16:23