Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Estoques zerados de soja limam quase 100% dos embarques este mês, mais uma dose de atraso na colheita

25/01/2021 - 17:18
Soja
Soja guardada teve volume quase zerado depois das taxas recordes de exportações em 2020 (Imagem: REUTERS/Paulo Whitaker)

A queda de quase 100% nos embarques de soja brasileira neste janeiro também é resultado direto das exportações extraordinárias em 2020. Não sobrou grão para ser mandado para os navios com a alta superior a 38% das vendas o ano passado, que beiraram 71 milhões de toneladas.

O atraso na colheita, depois do plantio mais tardio pela seca de setembro em diante, também tem parte nesta história, que resultou em envios na terceira semana de janeiro com 1,16 mil/t ao dia.

Em 2019, o País exportou, ainda de acordo com a Secex, 51,7 milhões/t, e ajudou a elevar a média diária de embarques do último janeiro a 63,5 mil/t, uma vez que os estoques estão melhores. “Neste mês não sobrou nada, foi tudo vendido”, avalia Vlamir Brandalizze, da Brnadalizze Consulting, para quem é normal, portanto, o encolhimento total dos embarques agora.

Adriano Gomes, da AgRural, consultoria que viu até agora apenas 0,7% da commodity colhida, acredita nesta soma de fatores, ou seja, volume menor da soja nova 20/21 saindo dos campos e quase zero de estoque de passagem.

Ele lembra também que o Mato Grosso, maio estado produtor, havia colhido, até quinta (21), 2,3% da área, contra a média de 11% nos últimos 5 anos. Isso teria reduzido, segundo o analista, 4 milhões/t da oferta da oleaginosa neste mês.

Só que esse volume também teria que ser repartido um pouco com o mercado interno.

Última atualização por Giovanni Lorenzon - 25/01/2021 - 17:29

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto
Pela Web