Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Europa: STMicro avança no rali dos fabricantes de chips

23/01/2020 - 10:30
chip de celular
A STMicro estava cautelosa com as perspectivas, dizendo que esperava quedas trimestrais tanto na receita quanto na margem bruta nos três primeiros meses deste ano (Imagem: Getty Images)

O momento por trás da recuperação do setor global de fabricantes de chips aumentou um pouco mais nesta quinta-feira, com a STMicroelectronics, com sede na França, uma das maiores fabricantes de chips da Europa, apresentando um resultado muito mais brilhante no quarto trimestre do que o previsto.

Isso acontece logo após a atualização empolgante da Taiwan Semiconductor na semana passada, que expressou confiança nas perspectivas para 2020. Também fornece um prólogo otimista para a divulgação de resultados da Intel no quarto trimestre, que deve ocorrer após o fechamento dos mercados na quinta-feira.

A STMicro estava cautelosa com as perspectivas, dizendo que esperava quedas trimestrais tanto na receita quanto na margem bruta nos três primeiros meses deste ano.

Também não deu nenhuma orientação para o ano. No entanto, o mercado não parecia se importar e elevou as ações em 7,1% às 7h10, facilmente o melhor desempenho da bolsa de Paris. O valor de referência STOXX 600 caía 0,2 em 422,42.

Como muitas ações de fabricantes de chips dos EUA, a STMicro teve uma excelente performance nos últimos 12 meses, à medida que o ciclo parecia girar. Foi a ação com o melhor desempenho do CAC 40 nesse período, subindo 98%, superando até o LVMH de Bernard Arnault.

(A LVMH, como outras ações de luxo na quinta-feira, teve um desempenho inferior com uma queda de 1,0% em meio ao crescente medo de que o coronavírus atinja as vendas na China este ano).

Como salienta o analista do Investing.com Haris Anwar, a World Semiconductor Trade Statistics, um grupo do setor que monitora o setor, prevê que o mercado de chips se recuperará do declínio do ano passado para um crescimento de 6% este ano.

E embora questões como o comércio global e as eleições nos EUA representem riscos para todo o mercado, existem poucas megatendências tão poderosas quanto a demanda por chips que vem como resultado da atualização para a tecnologia 5G em todo o mundo.

Dito isto, a STMicro, como sua rival alemã Infineon Technologies, tem bolsões de fraqueza, principalmente em sua dependência de vendas para uma indústria automobilística que perdeu impulso no mundo todo.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

A divisão Automotive and Discrete Group (ADG), viu as vendas caírem 4,5% no ano passado e também registrou a recuperação mais fraca das três unidades da STMicro no quarto trimestre, subindo apenas 3,3%. (Por outro lado, a divisão de sensores aumentou a receita em mais de 12%.)

Pode-se esperar que o número de chips nos carros do futuro ainda aumente, mas o burburinho em torno da mobilidade autônoma, que sustentou muitos dos cenários mais otimistas para o crescimento nas vendas de chips nos últimos anos, esfriou drasticamente no último ano após acidentes de alto impacto envolvendo o recurso Autopilot da Tesla e as experiências de táxi autônomo do Uber.

Última atualização por Vitória Fernandes - 23/01/2020 - 10:30