AgroTimes

Ministro da Agricultura e Pecuária inicia agenda na China e se reúne com autoridades e empresários

21 mar 2023, 10:13 - atualizado em 21 mar 2023, 13:59
Carlos Fávaro
Mais de cem gestores de diversos segmentos do agro nacional integram a comitiva; Lula e Carlos Fávaro devem se reunir na próxima semana (Imagem: REUTERS/Adriano Machado)

O ministro da Agricultura e Pecuária, Carlos Fávaro, embarcou na noite desta segunda-feira (20), com destino a Pequim, na China. A previsão de chegada ao país asiático é na próxima quarta-feira (22). Mais de 100 pequenos, médios e grandes empresários dos mais diversos segmentos do agronegócio brasileiro integram a comitiva organizada pelo Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa).

Nesta semana, antes da chegada do presidente Luiz Inácio Lula da Silva ao país asiático, Fávaro participa de reuniões bilaterais com autoridades chinesas, seminários e encontros com representantes do setor produtivo.

Para quinta-feira (23) está prevista a participação do ministro na abertura do Cotton Industry Development Conference. Também estão agendadas reuniões com empresas e associações de fabricantes de fertilizantes e insumos agrícolas, além de um evento para discutir a cooperação entre Brasil e China em agricultura sustentável e finanças verdes.

Na sexta-feira (24), Fávaro participa do “Seminário Multisetorial: Perspectivas da Parceria Brasil-China no Agronegócio”, com a presença de entidades brasileiras como Confederação Nacional da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB) e Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove) e organizações chinesas como a China Association for the Promotion of International Agricultural Cooperation e o Agricultural Bank of China.

No dia 24 também está previsto um seminário do setor de proteína animal, que reúne autoridades e empresários do setor do Brasil e da China, com a participação do Embaixador do Brasil na China, Marcos Galvão, e do vice-presidente da Câmara Chinesa de Comércio para Importação e Exportação de alimentos, produtos naturais e subprodutos animais (CFNA China), Yu Lu.

Já na próxima segunda-feira (27), a equipe do Mapa participa de encontro multisetorial com a All China Federation of Supply and Marketing Cooperatives. Também haverá o Fórum China-Brasil de Desenvolvimento Sustentável, promovido pelo Centro Brasileiro de Relações Internacionais.

Missão Presidencial

A partir de terça-feira (28), Fávaro passa a integrar a comitiva presidencial que cumpre agenda oficial com as autoridades chinesas. Ao longo da visita do presidente Lula, haverá eventos empresariais, seminários e a assinatura de atos intergovernamentais.

A China é, desde 2009, o maior parceiro comercial do Brasil e uma das principais origens de investimentos em território brasileiro. Em 2022, a corrente de comércio atingiu recorde de US$ 150,5 bilhões.

Comitiva do agronegócio

Além da equipe técnica do Mapa e outros parlamentares, fazem parte da comitiva brasileira à China mais de 100 empresários dos setores de carnes, algodão, insumos, celulose, grãos, sementes, entre outros.

“É uma comitiva importante, com empresários brasileiros das mais diversas áreas, para melhorar as nossas relações comerciais, tanto para vender mais para a China como para comprar produtos que sejam importantes para o Brasil, e com isso gerar oportunidades de empregos, desenvolvimento econômico e mais: retomar as boas relações fraternais com o povo chinês. Vamos preparar para a chegada do presidente Lula, que vem uma outra comitiva com ele, se agrega a nossa, e vamos trazer grandes notícias para o povo brasileiro”, disse Fávaro.

As despesas da viagem serão custeadas pelos próprios empresários.

Confira a agenda da comitiva do Mapa na China:

Repórter
Formado em Jornalismo pela Universidade São Judas Tadeu. Atua como repórter no Money Times desde março de 2023. Antes disso, trabalhou por pouco mais de 3 anos no Canal Rural, onde atuou como editor do Rural Notícias, programa de TV diário dedicado à cobertura do agronegócio. Por lá, participou da produção e reportagem do Projeto Soja Brasil, que cobre o ciclo da oleaginosa do plantio à colheita, e do Agro em Campo, programa exibido durante a Copa do Mundo do Catar e que buscava mostrar as conexões entre o futebol e o agronegócio.
Linkedin
Formado em Jornalismo pela Universidade São Judas Tadeu. Atua como repórter no Money Times desde março de 2023. Antes disso, trabalhou por pouco mais de 3 anos no Canal Rural, onde atuou como editor do Rural Notícias, programa de TV diário dedicado à cobertura do agronegócio. Por lá, participou da produção e reportagem do Projeto Soja Brasil, que cobre o ciclo da oleaginosa do plantio à colheita, e do Agro em Campo, programa exibido durante a Copa do Mundo do Catar e que buscava mostrar as conexões entre o futebol e o agronegócio.
Linkedin
Giro da Semana

Receba as principais notícias e recomendações de investimento diretamente no seu e-mail. Tudo 100% gratuito. Inscreva-se no botão abaixo:

*Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.