Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Felipe Massa: piloto arrojado, investidor conservador – confira no podcast Mesa Pra Quatro

28/08/2021 - 16:00
Rosto de Felipe Massa
Felipe Massa, piloto brasileiro 

Como um piloto de Fórmula 1 organiza sua vida financeira? Quais investimentos valem a pena? Na inauguração da 2ª temporada do podcast “Mesa Pra Quatro”, o campeão de Fórmula 1 Felipe Massa conta, de forma bem-humorada, como foi sua trajetória na corrida e como organiza seu dinheiro – além de dividir experiências pessoais envolvendo seu acidente, Ayrton Senna e Michael Schumacher. 

Para ouvir a entrevista exclusiva do campeão brasiliero feita pelo ator Dan Stulbach, pelo consultor financeiro Teco Medina e pelo CEO da Empiricus Caio Mesquita, é só clicar abaixo:  

Felipe Massa: piloto arrojado mas investidor conservador

Quando falamos de perfil de investimentos, Felipe Massa se considera conservador. Afinal, o piloto vive em grande parte do dinheiro que já ganhou em sua carreira como piloto profissional – e sendo assim, prefere assumir menos riscos. Saiba mais detalhes aqui

Mas o brasileiro também se mostrou aberto a empreender e tentar coisas novas. Em São Paulo, ele abriu uma filial do restaurante Beefbar, original de Mônaco, e também é sócio da marca de açaí Oakberry. 

No campo dos investimentos, Felipe já investiu um pouco do seu dinheiro em bitcoin. No entanto, quando a moeda estava em queda, o piloto não aguentou a volatilidade do mercado e vendeu – perdendo aproximadamente metade do seu aporte inicial. Hoje, ele se arrepende de não ter mantido o investimento: “se eu não tivesse vendido, estaria ganhando bastante dinheiro hoje”, contou no podcast Mesa Pra Quatro. 

Piloto por talento ou por investimento?

No podcast, Felipe Massa compartilha os desafios da carreira como piloto profissional. Para começar, é um esporte caro, em que é preciso considerável investimento na carreira. Muitos pilotos não conseguem chegar lá por falta de dinheiro. Já outros, chegam aos campeonatos por puro privilégio – contam com a ajuda de pais bilionários ou grandes patrocinadores. No podcast, Felipe dá alguns exemplos de pilotos que não entram por mérito (escute aqui)

Felipe, embora tenha contado com o apoio da família para embarcar nessa carreira quando jovem, também precisou de ajuda para participar de campeonatos. 

“Passava vários dias buscando patrocínio. Aqui no Brasil, o patrocínio do Hospital São Luís me ajudou muito”, disse o piloto no podcast. 

Outro momento foi quando participou de campeonatos no exterior. “Eu disputei o campeonato italiano e europeu sem dinheiro e venci os dois”, contou Felipe. Foi nessa época que o brasiliero conseguiu se provar como um bom piloto e começou a ganhar reconhecimento e dinheiro

Algum tempo depois, Felipe Massa conseguiu realizar o seu sonho de consumo: comprou uma Ferrari 599. 

Apaixonado por carros, até esse ano o piloto guardava duas Ferraris na garagem (dos modelos F40 e LaFerrari). Como se mudou para o Brasil, decidiu vendê-las – por valores mais altos do que as comprou. “Hoje em dia, ter um carro especial é muito parecido com ter uma obra de arte. É um investimento que se valoriza com o passar do tempo”, explicou Felipe. 

Para além dos investimentos, o piloto também divide alguns detalhes da sua vida pessoal, como:

  • Sua relação com o piloto Michael Schumacher; 
  • O autógrafo negado por Ayrton Senna; 
  • Sua performance na corrida depois do coma; 
  • A vitória forjada de Fernando Alonso. 

Para ouvir a história completa, basta apertar o play abaixo ou pesquisar por Mesa Pra Quatro na plataforma de áudio da sua preferência: 

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Leia mais sobre:

Última atualização por Letícia Flávia Pinheiro - 28/08/2021 - 15:33

Cotações Crypto
Pela Web