Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Fitch acende sinal vermelho para a dívida da Azul

21/08/2020 - 20:44
AZUL4 Azul
A equipe de analistas cortou a nota de crédito de longo prazo em moeda estrangeira da aérea de B- para CCC (imagem: Reuters/Rahel Patrasso)

A Azul (AZUL4) precisa preservar o caixa e reestruturar as linhas de crédito bancário para enfrentar os desafios de 2021, avalia a Fitch Ratings em um relatório enviado a clientes nesta sexta-feira (21).

A equipe de analistas formada por Debora Jalles, Danny Patel e Joe Bormann cortou a nota de crédito de longo prazo em moeda estrangeira da aérea de B- para CCC.

“O rebaixamento reflete a fraqueza contínua na demanda de viagens aéreas no Brasil, a alta incerteza relacionada ao momento de uma recuperação efetiva, bem como os desafios que a Azul pode enfrentar para acessar novas dívidas ou capital durante os próximos seis meses”, explicam.

A empresa anunciou a conclusão da renegociação de 98% de seus contratos de arrendamento mercantil, o que representa quase três quartos do total de suas obrigações, e está trabalhando para concluir a reestruturação de suas linhas de crédito bancário.

“O atraso no apoio do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) e a complexa estrutura da transação continuam sendo obstáculos para a empresa e são uma contraprestação de crédito negativa”, ressaltam os analistas.

A Azul também adiou o recebimento de 82 novas aeronaves para 2024. A companhia aérea não divulgou quais aeronaves tiveram entrega adiada, mas possui encomendas de mais de 100 jatos E2 da Embraer (EMBR3), além de pedidos de aviões da Airbus.

Veja o documento:

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Gustavo Kahil - 21/08/2020 - 20:44