Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Funcionários da Vale são presos por laudos sobre Brumadinho

15/02/2019 - 9:36

Por Arena do Pavini – Oito funcionários da Vale (VALE3) foram presos hoje em ação envolvendo o rompimento da barragem do Córrego do Feijão, em Brumadinho. Segundo site G1, entre os detidos, estaria Alexandre de Paula Campanha, apontado por um dos engenheiros que fiscalizava a obra como o funcionário que o pressionou para liberar a barragem, apesar de sinais de problemas. Uma oitava pessoa era procurada pela Polícia Federal, que atua em Minas Gerais, São Paulo e Rio de Janeiro. No total, estariam sendo cumpridos oito mandados de prisão e 12 de busca e apreensão.

As Melhores Ações da Bolsa: Clique aqui e conheça agora

Preso em ação do Ministério Público de Minas Gerais, o engenheiro da consultoria alemã TÜV SÜD Makoto Namba afirmou em depoimento que se sentiu pressionado por Campanha para assinar o laudo de estabilidade de Brumadinho. “A TÜV SÜD vai assinar ou não a declaração de estabilidade”, teria afirmado o funcionário da Vale. Namba foi depois liberado pela Justiça.

BB, Itaú, Santander ou Bradesco: Qual se deu melhor em 2018?

A barragem de Brumadinho rompeu em 25 de janeiro e deixou mais de 160 mortos e o mesmo número de desaparecidos, além de provocar um dos maiores desastres ambientais do país.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Bruno Andrade - 15/02/2019 - 10:00

Cotações Crypto
Pela Web