Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Fundos hedge vão à Justiça nos EUA para receber dívida de grupo controlador da Paper Excellence

15/04/2019 - 22:29

Por Angelo Pavini da Arena do Pavini

Dois fundos hedge americanos tentam nesta semana cobrar uma dívida de US$ 165 milhões de uma empresa do grupo Sinar Mars, da família indonésia Widjaja, um dos maiores conglomerados do Sudeste asiático, e que no Brasil é dono da Paper Excellence. O julgamento começou hoje em uma corte de Nova York. Os dois fundos, Pathfinder Strategic Credit e BC Investments, cobram uma indenização pelo calote dado pela Berau Coal, empresa de extração de carvão dos Widjaja em 2001. A empresa deixou de pagar dois títulos no valor de US$ 1 bilhão. Naquele ano, a família dona da Paper Excellence suspendeu os pagamentos de uma dívida de US$ 13,9 bilhões, no que se tornou uma das maiores inadimplências da história dos mercados emergentes. O julgamento deve se estender por vários dias.

No Brasil, os Widjaja disputam com o Grupo JBS o controle da Eldorado Celulose. A Paper Excellence fechou o negócio com o Grupo J&F, dono da JBS Friboi em 2017, oferecendo R$ 15 bilhões pelo controle da Eldorado. Mas o negócio não foi concluído pois houve divergências quanto à liberação de garantias no valor de R$ 8 bilhões que a família Batista, controladora da J&F, deu aos bancos por empréstimos da Eldorado. A J&F alegou que a Paper Excellence não apresentou documentos demonstrando quem seriam seus sócios, o que teria criado problemas junto aos bancos para liberar as garantias.

A J&F diz que venceu a disputa na Justiça em primeira e segunda instância e que agora a questão está agora sendo discutida em uma corte arbitral.

(Atualizada às 11h52 de 16 de abril de 2019).

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Última atualização por Gustavo Kahil - 16/04/2019 - 11:53