Comprar ou vender?

Fundos Imobiliários: Carteira da XP goleia Ifix em julho; veja novo portfólio

01 ago 2021, 19:45 - atualizado em 01 ago 2021, 20:25

Fundos Imobiliários-São Paulo

Os fundos imobiliários foram do inferno ao céu em pouco mais de um mês: com a possível tributação dos ativos, o Ifix experimentou a pior queda em meses, com baixa de 2,19%. Em julho, porém, o índice mais que recuperou o seu fôlego, com alta de 2,5%.

Por enquanto, a tributação de 15% e a ideia de alterar a alíquota do ganho de capital de 20% para 15% está descartada pelo Ministério da Economia e o relator da reforma tributária na Câmara dos Deputados.

Com isso, os investidores puderam respirar aliviados. E agora é pensar nos próximos meses, que prometem ser de recuperação diante da vacinação e da retomada econômica.

Em julho, o portfólio da XP apresentou a performance positiva de 3,7%, 1,2 ponto acima do Ifix.

Adicionalmente, a carteira teve um dividend yield médio mensal de 0,7% (9,0% de dividend yield anualizado

Hora de virar a página

Para agosto, a corretora resolveu mexer somente nos pesos dos ativos.

“Acreditamos que a carteira está constituída de fundos imobiliários com alta qualidade dos ativos que compõem respectivos portfólios, tanto nos fundos de tijolo como os fundos de papel (high grades)”, aponta.

Com isso, a participação da Vinci Logísitica (VILG11) caiu de 12,5% para 10,0%, enquanto a XP Crédito Imobiliário (XPCI11) teve o peso diminuído de 15% para 10%.

Por outro lado, a corretora elevou a alocação de 10,0% para 12,5% em Bresco Logística (BRCO11) e de 7,5% para 12,5% em RBR High Grade (RBRR11).

“Na nossa visão os segmentos de shopping centers e lajes corporativas podem seguir mais pressionados no curto prazo mesmo após flexibilização das restrições em relação à circulação de pessoas e funcionamento das atividades de comércio e serviços, impactando em seus dividendo”, conclui.

Veja o portfólio:

Fundo Ticker Segmento Peso
CSHG Renda Urbana HGRU11 Híbrido 17,50%
BTG Logística BTLG11 Ativos logísticos 12,50%
XP Crédito Imobiliário XPCI11 Recebíveis 10%
VBI Prime Offices PVBI11 Lajes corporativas 10%
Capitânia Securities CPTS11 Recebíveis 15%
RBR High Grade RBRR11 Recebíveis 12,5%
Bresco Logística BRCO11 Ativos logísticos 12,5%
Vinci Logística VILG11 Ativos logísticos 10%

Editor-assistente
Formado pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, cobre mercados desde 2018. Ficou entre os 50 jornalistas +Admirados da Imprensa de Economia e Finanças das edições de 2022 e 2023. É editor-assistente do Money Times. Antes, atuou na assessoria de imprensa do Ministério Público do Trabalho e como repórter do portal Suno Notícias, da Suno Research.
Linkedin
Formado pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, cobre mercados desde 2018. Ficou entre os 50 jornalistas +Admirados da Imprensa de Economia e Finanças das edições de 2022 e 2023. É editor-assistente do Money Times. Antes, atuou na assessoria de imprensa do Ministério Público do Trabalho e como repórter do portal Suno Notícias, da Suno Research.
Linkedin