Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Fundos imobiliários: veja os mais escolhidos pelos grandes investidores em fevereiro

21/03/2020 - 15:27
São Paulo Imóveis
Na primeira posição na lista dos Top 10 FIIs favoritos aparece o BCFF11, fundo de fundos de recebíveis imobiliários do BTG Pactual (Imagem: Unsplash/@andrenoboa)

De maneira geral, após os fundos imobiliários terem valorizado bastante em 2019 (o Ifix, índice do segmento, avançou 35,98% no ano passado), entraram em uma trajetória de correção. É natural que depois de uma grande alta, aconteça a realização dos investimentos.

O Ifix recuou 7,31% no acumulado deste ano até o final de fevereiro. Mas considerando o período entre o dia 26, quando houve a confirmação do primeiro caso de coronavírus no Brasil, e o dia 28, último dia útil do mês passado, a desvalorização deste índice foi de somente 0,30%.

Nesse cenário, veja quais foram os fundos imobiliários que os grandes investidores mais escolheram para as suas carteiras em fevereiro, segundo o Big Data SmartBrain.

Top 10 dos fundos imobiliários mais investidos em fevereiro

(Fonte: Big Data SmartBrain)

Na primeira posição na lista dos Top 10 FIIs favoritos aparece o BCFF11, fundo de fundos de recebíveis imobiliários do BTG Pactual, que em janeiro estava em nono lugar.

O HFOF11, fundo de fundos imobiliários da Hedge Investments, um conjunto de FIIs com exposição em recebíveis, empreendimentos corporativos e logísticos, passou da terceira para a segunda posição, trocando de lugar com o VISC11, fundo imobiliário do segmento de shopping centers da gestora Vinci Partners.

Já o HGRE11, fundo de lajes corporativas do Credit Suisse Hedging-Griffo, foi do quinto para o sexto lugar e o HGLG11, FII de galpões logísticos que é da mesma gestora, manteve-se na décima posição.

Ocorreram muitas mudanças no ranking de Top 10, cinco FIIs são novos na lista. Em quarto lugar entre os mais procurados em fevereiro foi o BRZP11, fundo com foco em infraestrutura recém lançado na Bolsa pela gestora BRZ Investimentos. A maioria dos rendimentos desse FII tem como origem os dividendos distribuídos pelo Porto de Itapoá, em Santa Catarina.

As outras novidades foram o KNCR11 e o KNIP11, dois fundos de títulos imobiliários geridos pela Kinea; o HTMX11, fundo de hotéis sob gestão do BTG Pactual e o PATC11, que atua na área de escritórios comerciais da gestora Pátria.

Saíram do ranking os FIIs: MXRF11 (Maxi Renda FII); HGCR11 (CSHG Recebíveis Imobiliários FII); MGFF11 (Mogno Fundo de Fundos); BRCR11 (BTG Pactual Corp. Office FII) e KNRI11 (Kinea Renda Imobiliária FII).

Com um simulador de investimentos, você consegue acompanhar a performance da sua carteira de FIIs. Clique aqui e veja como!

Por SmartBrain

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!

Última atualização por Diana Cheng - 20/03/2020 - 18:36