Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Futuros do Ibovespa inicia sessão desta quinta-feira com valorização

31/01/2019 - 9:45

Por Investing.com – Depois de fechar a sessão de ontem com ganhos, a quinta-feira começa com valorização de 0,39% aos 97.602 pontos para o índice futuro do Ibovespa, em dia de indefinição para os mercados de ações internacionais. O mercado local segue atento à temporada de balanços e também a proposta de reforma da Previdência, que deve voltar a ser destaque com o início da nova legislatura no Congresso Nacional.

Veja aqui quais são as pequenas gigantes da Bolsa que podem te ajudar a transformar centavos em milhões

Ontem, o governo confirmou que os militares deverão fazer parte da reforma da Previdência em um projeto único que abrangerá a população. O tema era um ponto de dúvida desde a campanha com forças que apoiam Bolsonaro disputando internamente e através da imprensa pela exclusão ou inclusão dos militares.

Os índices acionários chineses subiram nesta quinta-feira, depois que o Federal Reserve dos Estados Unidos prometeu ser paciente com a elevação dos juros, sinalizando um potencial fim do ciclo de aperto monetário em meio a sinais de uma desaceleração do crescimento global.

A atividade no setor industrial da China encolheu pelo segundo mês seguido em janeiro, indicando mais pressão sobre a economia que pode elevar os riscos ao crescimento global.

O Índice de Gerentes de Compras (PMI, na sigla em inglês) oficial de indústria da China subiu para 49,5 em janeiro de 49,4 em dezembro, de acordo com os dados divulgados nesta quinta-feira pela Agência Nacional de Estatísticas.

A economia da zona do euro se manteve em seu menor ritmo de crescimento em quatro anos nos últimos três meses de 2018, mostraram dados divulgados nesta quinta-feira.

O Produto Interno Bruto dos 19 países que compartilham a moeda única cresceu 0,2 por cento no trimestre e 1,2 por cento na comparação com o mesmo período do ano anterior, segundo dados da agência de estatísticas europeia Eurostat.

Bolsas Internacionais

Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 1,06 por cento, a 20.773 pontos. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 1,08 por cento, a 27.942 pontos. Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 0,35 por cento, a 2.584 pontos. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 1,05 por cento, a 3.201 pontos.

Na Europa, com os mercados em operação, a sessão é marcada por ganhos nas principais praças. Em Frankfurt, o DAX tem desvalorização 0,07% aos 11.176 pontos, enquanto que em Londres, o FTSE soma 0,43% 6.970 pontos. Já em Paris, o CAC avança 0,14% aos 4.987,11 pontos.

Commodities

A jornada desta quinta-feira na bolsa de mercadorias de Dalian foi marcada, mais uma vez, pela valorização dos contratos futuros do minério de ferro, ainda como reflexo no corte da produção da Vale (SA:VALE3). O ativo com data de vencimento em maio deste ano, o com maior volume de negócios, registrou ganhos de 1,82% a 588,50 iuanes por tonelada, variação diária de 10,50 iuanes.

Por outro lado, os preços do vergalhão de aço, transacionados na bolsa de mercadorias de Xangai, também na China, tiveram perdas em seu principal contrato, com vencimento também em maio. O papel perdeu 14 iuanes para um total de 3.707 iuanes por cada tonelada. Já o ativo de março, segundo em liquidez, perdeu 32 iuanes para 3.765 iuanes por tonelada.

No caso do petróleo, a sessão é marcada por rumos distintos. Em Nova York, o barril do tipo WTI recua 0,06%, ou US$ 0,03, a US$ 54,20. Já em Londres, o FTSE soma 0,39%, ou US$ 0,24, US$ 61,78.

Mercado Corporativo

A estatal Petrobras (SA:PETR4) fechou a venda de sua refinaria de Pasadena, no Texas, à norte-americana Chevron Corp (NYSE:CVX) por 350 milhões de dólares, disseram as companhias na quarta-feira, confirmando reportagem da Reuters mais cedo na semana.

Além da refinaria, com capacidade de 110 mil barris por dia (bpd), a Chevron ficará com um complexo de 188,5 hectares no canal de navegação de Houston que inclui tanques de estocagem com capacidade para 5,1 milhões de barris de petróleo e produtos refinados, assim como 143 acres adicionais em terrenos, disse a Chevron.

A Chevron, que teve um aumento de 150 mil bpd na produção de petróleo “shale” no terceiro trimestre, disse que fechou a compra do ativo na Costa do Golfo para lidar com esse petróleo e abastecer melhor sua rede de postos de gasolina. A refinaria de Pasadena produz principalmente gasolina e derivados como diesel.

O Bradesco (SA:BBDC4) divulgou nesta quinta-feira alta anual de 19,9 por cento no lucro do quarto trimestre, superando estimativas de analistas, em um desempenho marcado por queda nas provisões para perdas com crédito.

O lucro líquido recorrente do Bradesco no quarto trimestre foi de 5,83 bilhões de reais, 5,5 por cento acima da expectativa média de analistas, de 5,526 bilhões, segundo a Refinitiv.

A suspensão das operações pela Vale devido ao anunciado desmonte de barragens a montante em Minas Gerais tem potencial de complicar ainda mais a situação financeira do Estado, que previu nesta quarta-feira queda de cerca de 300 milhões de reais na arrecadação anual com tributos de mineração.

No caso de tributos estaduais do setor de mineração, formado em sua maioria por ICMS, o Estado calcula uma redução de 30 por cento, ou o equivalente a 220 milhões de reais ao ano.

No caso do tributo federal, a CFEM, conhecida como royalty da mineração, a redução anual do montante que é encaminhado ao Estado deverá ser de cerca de 79 milhões de reais.

Não foram calculados os impactos nas arrecadações dos municípios, em função de medidas da Vale após o desastre de Brumadinho.

As reservas provadas de petróleo e gás da Petrobras atingiram 11,957 bilhões de barris de óleo equivalente (boe) no fim de 2018, uma queda de 3,7 por cento na comparação com o volume registrado ao final de 2017, segundo critério ANP/SPE, conforme fato relevante publicada pela petroleira nesta quarta-feira.

A empresa informou que conseguiu repor 96 por cento do volume produzido, desconsiderando os efeitos dos desinvestimentos realizados em 2018, devido principalmente “à perfuração de novos poços, às respostas positivas à injeção de água e ao bom desempenho dos reservatórios no pré-sal das bacias de Santos e Campos”.

A relação entre o volume de reservas provadas e o volume produzido foi estimada em 13,9 anos.

A carga de energia elétrica no Brasil teve nova máxima nesta quarta-feira, diante das altas temperaturas em boa parte do país, informou o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) em nota.

Puxada pelo calor, que aumenta o uso de aparelhos de ar condicionado, a carga máxima no sistema interligado do país registrou na tarde desta quarta-feira 90.525 megawatts.

O recorde anterior era de 89.114 MW, no dia 23 de janeiro de 2019.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse que a reforma da Previdência instituirá idade mínima diferente para homens e mulheres e buscará aplicação automática das regras para municípios e Estados, segundo o presidente da Frente Nacional dos Prefeitos (FNP), Jonas Donizette.

Segundo Donizette (PSB), que é prefeito de Campinas-SP e esteve reunido com o ministro nesta quarta-feira, Guedes chegou a citar a idade mínima de 57 anos para mulheres e 62 anos para homens, já ventilada anteriormente pelo presidente Jair Bolsonaro.

Os prefeitos presentes na reunião fizeram um apelo para que também fossem incluídos na reforma. De acordo com Donizette, Guedes assumiu o compromisso que isso irá acontecer, de forma que o que for aprovado na Proposta de Emenda à Constituição sobre o tema tenha aplicação automática para municípios e para Estados.

O governo pretende concluir ainda em 2019 um diagnóstico sobre a necessidade de reavaliar a chamada garantia física das hidrelétricas do país, um critério técnico que busca representar quanto em energia cada usina pode gerar mesmo diante de chuvas escassas, disse à Reuters o Ministério de Minas e Energia.

O movimento vem após anos seguidos de produção fortemente abaixo das garantias físicas no parque hidrelétrico brasileiro, o que levou diversos especialistas a apontarem que a oferta de energia desses empreendimentos está hoje superestimada nos modelos computacionais que calculam preços e definem a expansão do sistema elétrico.

O tema é considerado tão crucial quanto sensível no setor porque mudanças impactariam diretamente as receitas dos investidores, uma vez que a garantia representa na prática o volume de energia que cada usina pode comercializar no mercado.

“O ministério buscará a conclusão do diagnóstico e das medidas necessárias para reavaliar a necessidade de revisão das garantias físicas ainda neste ano, mas sua viabilidade dependerá de alterações legislativas e uma adequada previsibilidade, fazendo com que o início de sua implementação seja uma meta a ser perseguida ao longo da atual gestão”, disse a pasta em nota.

Agenda de Autoridades

O presidente Jair Bolsonaro segue internado no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, de onde realiza despachos internos.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, tem reunião nesta manhã com William Popp, embaixador interino dos Estados Unidos. Em seguida, se encontra com Carlos Alberto dos Santos Cruz, ministro-chefe da Secretaria de Governo da Presidência da República. Já na parte da tarde, Guedes participa da Reunião ordinária do Conselho Monetário Nacional (CMN).

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Leia mais sobre:

Última atualização por Bruno Andrade - 31/01/2019 - 9:45

Cotações Crypto
Pela Web